Gráficas – Atual Card

248 Flares Twitter 236 Facebook 8 Google+ 2 Pin It Share 0 Email -- LinkedIn 2 248 Flares ×

Com este post iniciarei uma série artigos descrevendo as gráficas baseadas em produtos mais conhecidas do mercado. Começarei descrevendo a Gráfica Atual Card, pois das que trabalhei foi uma das mais corretas, com um bom atendimento e muitas vezes inovadora no mercado. Segue agora a análise da gráfica Atual Card.

Atual Card - página inicial

Atual Card – página inicial

Localização

A Atual Card é uma gráfica localizada em Curitiba – Paraná. Não sei explicar bem porque, mas Curitiba tem um verdadeiro celeiro de gráficas, todas trabalhando aparentemente com os mesmos produtos (e os mesmos problemas) tendo como diferencial o atendimento e os locais com entrega gratuita.

Mesmo sendo em Curitiba, a Atual Card mantém escritórios de entrega por todo o Brasil. Não se tratam de escritórios de design e sim transportadoras pequenas que fazem o serviço de entrega no local gratuita ou, na maioria das vezes, permitem o uso de motoboys para entrega no seu local de trabalho, com um adicional do custo do motoboy, negociado diretamente com o escritório de entrega.

Isto transforma esta gráfica, numa imensa gráfica que pode concorrer de igual para igual com gráficas por todo o país. Para se ter uma idéia, era comum eu pedir no mesmo dia um produto aqui no Rio para um produtor e um produto similar na Atual Card. Adivinhem qual foi entregue mais rápido? A Atual Card!

Mas como conseguem isto? Rapidez na visualização do seu pagamento. Análise rápida dos arquivos. Informações precisas no site. Produção rápida. Transportadoras eficientes. Escritórios de entrega desburocratizados.

A concorrência no Rio sempre falha em algum destes aspectos. E pagar em 6 vezes sem juros, não tem preço.

Atual Card - Produtos

Atual Card – Produtos

Produtos

Logo que você abre o site (www.atualcard.com.br) você pode visualizar na barra lateral a linha de produtos desta gráfica.

Poderia citar aqui todos os produtos desta gráfica, mas são tantos que ficaria até monótono.

Eles trabalham com diversas tiragens (de pequenas a muito grandes), diversos materiais (adesivos, papel, cartão, reciclados), diversos formatos e apresentações ( cartão, postal, encartes, envelopes, cds).

Posso afirmar que eles são os pioneiros na criação de produtos, criando mensalmente vários produtos. Hoje no site podemos ver como novidades os banners, os baralhos personalizados, os calendários de 2012, Os cardápios, os envelopes e o jogo de dominó. Sentiu a criatividade. Numa postagem de 2 meses atrás eu citei os envelopes como sendo uma grande oportunidade e ninguém estava anunciando. Eles viram e detectaram a possibilidade e já estão produzindo. Já citei que isto é inovação e isto eles realmente são.

Atual Card - Balcões de retirada 27 estados

Atual Card – Balcões de retirada 27 estados

Diferenciais

A Atual Card é realmente muito inovadora.

Além da grande quantidade de produtos diferenciados, podemos citar a entrega grátis nos escritórios espalhados por todo o país, entrega por transportadora grátis no Brasil para pedidos acima de R$ 250,00 e validador de arquivos CDR.

A rede de entrega da Atual Card é realmente muito grande. Consultando a tabela (http:// http://www.atualcard.com.br/index/balcoes) cheguei a um total de 27 estados (cheguei a me perder) ou seja todo o território nacional em no máximo 48 horas após a produção (capitais em todos os estados e algumas cidades do interior em alguns estados).

O sistema de acompanhamento dos pedidos também é muito bom e é bem eficiente. A concorrência deveria aprender com isto, pois a concorrência é muito lenta em repassar estas informações, prejudicando os clientes e os próprios prazos.

Atual Card - dicas para montagem

Atual Card – dicas para montagem

Qualidade

A qualidade dos produtos é boa. Neste aspecto não posso afirmar que são a melhor do país, pois conheço várias com um controle de qualidade melhor.

Erros comuns são a tiragem menor que a anunciada, variações de cores, manchas no verso. Parece que é produzido exatamente a quantidade pedida pelo cliente e a perda é descartada desfalcando a quantidade efetivamente entregue. Essa perda vai de 1% até 10% do material, o que para muitos é impraticável. Outras gráficas rodam quantidades a mais, de maneira a imbutirem a perdas dentro do seu processo e não repassando para os clientes.

Para quem revende isto é um grande problema, pois acabam levando a fama de ladrões, quando são na verdade vítimas desta “fraude”. Faz algum tempo que não rodo material por estar afastado do meio, mas pelo que tenho informação, este ainda é um erro muito comum.

A questão das cores já é um caso de menor importância, dada a proposta de baixo custo e rapidez no processo. Sendo mais rápido, fica mais sujeito a variações, que na prática só são sentidas quando se compara o estoque como um todo. Olhando isoladamente cada cartão, todos são perfeitamente aceitáveis.

No geral a minha análise acaba positiva, pois dentre todas as gráficas de Curitiba, a Atual Card é a que parece mais preocupada com estes problemas, não tendo fugido nas ocasiões que reclamei, da responsabilidade por este tipo de erro, dando como solução desconto no valor do produto e crédito para futuros trabalhos. Não é a solução perfeita, mas já é alguma coisa.

Fica aqui registrado serem produtos bastante aceitáveis, por preços baixos, com excelente tempo de produção e entrega, para todo o Brasil.

Aqui a opinião de vocês é muito importante. Podem usar os comentários a vontade para elogiar e reclamar desta gráfica. É para isto que estamos aqui.

Atual Card - Blog

Atual Card – Blog

Blog

Não poderia deixar de citar o blog da Atual Card (http://blog.atualcard.com.br/), com assuntos de grande relevância para o meio gráfico, embora bastante direcionado para a própria gráfica.

Esta interação entre a gráfica e os clientes não é algo comum nos sites de gráficas. Por incrível que pareça, a concorrência ainda não verificou as vantagens deste processo que gera grande feedback.

Dê uma verificada no blog e se gostar não deixe de assinar. Eu assinei e indico. Fica na lateral do blog, maio lá embaixo. Dá uma procurada que você acha.

Minha dica para o blog: Uma reestruturada no visual, com uma barra lateral mais estreita, de maneira a mostrar o máximo de artigos na primeira dobra e a assinatura da newsletter logo encima na primeira dobra. Do jeito que está estão muito longas as chamadas das postagens, mostrando pouco o mundo de informação que tem lá no blog.

Atual Card - Pagamentos

Atual Card – Pagamentos

Pagamentos

Esta é uma das melhores partes.

O pagamento pode ser feito por boleto, cartões de crédito e diversos bancos.

O melhor de tudo é a rapidez na informação do pagamento. Alguns são instantâneos, agilizando muito o processo de inicio de produção. O mais lento é o boleto bancário, pois só pode ser confirmado no dia seguinte.

A concorrência chega a levar 1 dia para detectar um depósito bancário, processo este que nunca chega a 2 horas na Atual Card.

Com isso um produto que é anunciado em 2 dias de produção na Atual Card se torna mais rápido que gráficas que prometem a produção em 1 dia. Ao fazer a escolha da sua gráfica fique atento que o tempo de produção para a gráfica não é o tempo de produção para você, cliente. Devemos analisar o tempo de análise de crédito, checagem das artes, produção em si, embalagem, transporte e expedição no escritório final. Neste somatório, a Atual Card é campeã a anos.

Conclusão

Não é a toa que escolhi a Atual Card para esta análise. Eles são um dos melhores custo x Benefício do mercado.

Nenhuma das gráficas aqui analisadas será perfeita. Todas falham em algum ponto.

Mesmo assim a Atual Card segue na dianteira na minha análise.

Agora é com você leitor.

Deixe aqui o seu comentário e sugestão. Este é o seu melhor meio de criar um bom guia para referências futuras.

Não perca as futuras análise… assine nosso feed agora mesmo, aqui na lateral do blog ou ao entrar no site.

Até o próximo post.

Curso de Photoshop
248 Flares Twitter 236 Facebook 8 Google+ 2 Pin It Share 0 Email -- LinkedIn 2 248 Flares ×

107 comentários

  1. Glaucio

    A AtualCard, até então era a minha gráfica preferida, não só pelo preço e pela qualidade final dos impressos, como também pela facilidade de utilização do site que sempre mantém o cliente informado de todo o processo do pedido. Mas, com muita tristeza no coração, eu hoje diria: “Fujam da AtualCard!”. Infelizmente a AtualCard resolveu sabotar o próprio serviço e confiança ao empurrar aos seus clientes um material de péssima qualidade e não assumir a responsabilidade.

    Durante muitos anos, e até poucos dias atrás, fui (claro, não vou correr um novo risco) cliente deles e mesmo depois de alguns pequenos problemas, eles de certa forma resolveram todos, o que foi totalmente insuficiente para abalar a minha confiança com a empresa. Inclusive ao errar em redimensionar para menor um de meus arquivos de impressão e nem por isso criei muito caso aceitando prontamente a proposta (unilateral) deles para a solução do problema.

    Na última semana, em meu último pedido, eles simplesmente me entregaram um material onde a qualidade do papel “Supremo” é péssima. Se tivesse sido impresso em qualquer papel Opaline e com impressora à jato de tinta é bem provável que o resultado não seria tão ruim. Cobraram por um produto e pela entrega de um material de qualidade, mas entregaram um que nem de longe lembra os serviços anteriores: o (verso do) papel desmancha / a tinta (totalmente opaca) solta/mancha com um pouco d’água. E isso sem mencionar o erro de registro/alinhamento em duas cores, o que também não deixa de ser algo inédito comparado até então com os padrões da AtualCard que eu estava acostumado. Peguei vários impressos antigos feitos por eles, do mesmo tipo de produto/material, e nem colocando debaixo d’água e esfregando consegui estragar os impressos, manchar a tinta, ou desmanchar o papel.

    Após entrar em contato expondo todo o problema, e aguardar quase 3 dias por uma reposta, eles respondem: “Prezado cliente; Seus arquivos foram verificados juntamente com o setor responsável onde não constatamos divergências o mesmo foi impresso conforme arquivo enviado. Atenciosamente”.

    Se esta resposta (pronta) não for de um cinismo ímpar, ninguém deve ter lido o que eu realmente questionei. Para quem não paga, não recebe, não for se explicar para o seu cliente, ou que queira se eximir de qualquer culpa, não pode realmente encontrar divergências em nada. Por isso estejam certos que: quando tiverem algum problema, independente de já trabalharem com eles por anos, não vão nem dar importância para qualquer reclamação legítima de algum problema com a qualidade do material. A culpa será sempre do cliente.

    E o pior da história é ter que encontrar uma gráfica substituta para prosseguir com os trabalhos, pois uma generosa parcela das gráficas pertencem ao mesmo grupo, como: AtualCard, BrasilGraf entre várias outras.

    Então é isso, fica o aviso para quem não quiser algum dia ter dor de cabeça como eu estou tendo. E quem tiver alguma sugestão de boa gráfica online), que principalmente sejam honestos com os seus clientes e assumam os próprios erros (gráficos ou de material) sem querer fazer os outros de palhaços, por favor, não deixem de fazer uma indicação. E obrigado ao amigo Luis em disponibilizar um espaço para debater o assunto.

  2. Glaucio,
    Sei como você está se sentindo. Já passei por isso também em quase todas as gráficas do mercado.
    Mas isso passa e embora possa mudar de distribuidor, vai chegar a hora que eles vão pisar na bola também e lá vamos nós pulando de galho em galho.
    Parte da culpa destes acontecimentos é o porte da gráfica. Citei isto no meu post omo escolher uma gráfica (http://www.cardquali.com/como-escolher-uma-grafica/). Quanto menor o distribuidor, melhor a parte de atendimento, mas pior a produção e quanto maior a gráfica, melhor o produto e pior o atendimento.
    Tem algumas coisas a considerar. A pressão nestas organizações leva a tomarem atitudes que prejudicam o processo. Muitas vezes somem os papeis do mercado, levando a substituições que comprometem seriamente o resultado. A gráfica fica na situação de ou não produzir, ou perder prazo ou optar pelo papel vagabundo. O papel vagabundo sai do padrão da gráfica e provoca problemas de impressão, pois o tempo de secagem da tinta e regulagens da máquina ficam diferentes, deixando o impressor nervoso com as folhas que rasgam ou grudam insistentemente na blanqueta e o resultado é este que chegou para você.
    Com o tamanho da gráfica, os funcionários, geralmente muito mal formados, insistem em garantir uma qualidade, que naquele momento está comprometida. Ou seja, Falta bom senso.
    Aliado a isto tudo o empresário que não quer perder de jeito nenhum, também pressiona os empregados e a “caca” fica geral.
    Mas saiba que isto é geral… todas as gráficas. E que aquelas que se meterem a garantir o produto acabarão por aumentar seus preços para cobrir estas perdas, perdendo assim clientes para os concorrentes que não fazem o esmo.

    A culpa acaba sendo de nós mesmos, consumidores, que não valorizamos aqueles comprometidos com a qualidade, empurrando assim o mercado para a canibalização de preços e qualidade.

    Saiba que um dos motivos da minha saída do mercado foi exatamente por falta de clientes dispostos a valorizar a qualidade. Eu chegava ao cúmulo que comprar com Atual Card e Cia o produto, que viajava até o Rio para ser reembarcado para a MESMA RUA de meu fornecedor. Meu diferencial? Eu repetia a produção errada e cobrava apenas 40% a mais que eles. Como os erros só ocorriam a cada 20 produtos e só eram fatais a cada 50 serviços, eu podia embutir este custo… até que os preços se tornaram tão baixos e a qualidade tão ruim que não dava mais para trabalhar mantendo qualidade. Só adquirindo maquinário próprio, mas sem clientes suficientes pagando o “ágio” da qualidade para suportar o investimento.
    Tenho o artigo Distribuidores que eu conheço (http://www.cardquali.com/distribuidores-graficos-graficas-conheco/) que pode te dar uma ajuda na mudança… mas saiba que acabamos voltando devido a nossos próprios erros.
    Espero com esta postagem e os comentários que venham a surgir, mudar um pouco a mentalidade geral a respeito de qualidade, prazos e preços.

    • Glaucio

      Paulo você tem toda a razão. Precisamos selecionar melhor as empresas e no menor sinal de um futuro comprometimento do serviço “pular fora”. Até então eu não tinha motivos para deixar a AtualCard e tinha ficado bem confiante no resultado final dos produtos subsequentes, pois o anterior havia ficado perfeito.

      Nem sou do tipo que arruma confusão por qualquer coisa e inclusive aceitei numa boa as explicações quando me enviaram menos de 850 unidades de um material que deveria ser de 1000 unidades. O que eu não me conformo é com a resposta que me deram para um problema deles. Deveriam ter tentado achar alguma bem mais respeitosa.

      A minha vontade era de refazer o serviço em outro local e entregar um produto de qualidade, e se fosse um produto barato eu até já teria feito, mas resolveram “fazer a pegadinha” logo num produto de alto valor.

      Numa segunda reposta após o questionamento da absurda resposta anterior, eles vão e me pedem para enviar 10% do material por carta simples para análise. É claro que eu não vou enviar, pois o final da história já é antecipadamente contada por outro cliente: http://www.reclameaqui.com.br/1160822/atual-card-do-brasil-ltda/fazendo-o-consumidor-de-palhaco/

      É incrível como eles juram que não fazem idéia do papel vagabundo que utilizaram, nem dos 2 erros de registro. Assim como você espero também que o pessoal mude o pensamento e troque a falsa “economia” por um serviço de qualidade e principalmente por empresas responsáveis.

      • Paulo Valle
        Author

        Conhece o Murph? O problema sempre acontece no produto mais caro e quando você não tem dinheiro disponível para correr por fora para arrumar a coisa… daí fica totalmente na mão do Murph. Dá uma olhada nos comentários aqui e vê o nome do sujeito. É meio caminho para abrir processo. O endereço das graficas também está mais fácil de achar e aqui pelo blog pode encontrar outras vitimas para servirem de testemunha… direito do consumidor é isto e garanto que funciona.
        Se der veredito favorável, um processo serve de base para os demais… aí eles ajeitam as coisas.

  3. Ola Paulo Valle td bem, venho acompanhando seu site e parabéns novamente pelas postagens. Sobre fornecedores trabalho com a BrasilGraf essa sim eu aprovo, até agora não tive problema nenhum e olhe que rodo muito material com eles, sobre a atualcard nunca fiz nada com eles e acredito com essa postagem você me informou muitas coisas sobre este fornecedor, como já tinha dito, até que a BrasilGraf me decepcione trabalharei ainda com ela hehe, então esse foi meu comentário, abraços e sucesso.
    Msn: villerjunior@hotmail.com, ótimo post.

    • Paulo Valle
      Author

      Eu também já rodei com a BrasilGraf. Na verdade parecem ser a mesma empresa com diversas “equipes” de venda, daí a variação de atendimento. A impressão basicamente é a mesma. A Brasilgraf cobrava um preço ligeiramente maior, mas tinha um pouco mais de cuidado com o que enviava. As vezes atrasava, mas isso devido a detectarem os erros e reimprimirem. O que pecava na época era a questão do transporte, com menos opções no caso do Rio, e a parte de pagamento, com menos opções. Não abri o site para verificar se mudou algo, mas em breve devo fazer uma análise deles. Quer compartilhar a sua experiência?

      • Glaucio

        Paulo, atualmente o diferencial que a BrasilGraf tem feito em relação aos seus concorrentes e “outros não tão concorrentes” é a oferta do Frete Grátis. Só não é tão grátis assim, pois o valor já está todo ou praticamente distribuído e embutido no valor dos produtos. Em um dos trabalhos que fiz lá, recebi rapidamente o material via e-Sedex (Correios).

          • Glaucio

            Não, o preço final, já com a entrega, é o que consta na tabela de preços para qualquer item. O último serviço que fiz lá foi apenas de um cartão de visita, de baixa tiragem, que ficou em menos de 30,00. Comprar muitos itens diferentes talvez não seja o ideal, pois acabaria pagando muito mais caro pelo frete “grátis” que já está embutido nos valores dos produtos. Em alguns produtos tem diferença de aproximadamente 10,00… 15,00… 20,00 comparados com suas irmãs “concorrentes”.

            Eu recebi por e-Sedex, que é apenas disponibilizado para empresas (contratante/remetente) e mais barato que o Sedex normal, pois o meu CEP está dentro da área de cobertura (www.correios.com.br/Produtosaz/Complementos/PDF/Area_cobertura_e-SEDEX.pdf). Para outras áreas o envio deve ser via PAC. Não sei informar se dependendo do peso, ou distância (Norte/Nordeste), se o envio seria também por PAC.

    • Glaucio

      Villerjunior, não só a BrasilGraf e a AtualCard são as mesmas, como muitas outras pertencem ao mesmo grupo/dono (website.informer.com/Paulo+Henrique+Borges.html) que mudam mesmo o site. Fazem uma pequena variação nos preços para criar um ambiente com uma falsa concorrência. Sendo assim, seria apenas questão de tempo algum problema aparecer, e que seja culpa deles, para não assumirem a total responsabilidade. Também trabalhei com a BrasilGraf e nunca tive problemas, mas sai e lá pois não faria sentido continuar.

      Para você ter uma idéia, meus 2 últimos trabalhos com a AtualCard e BrasilGraf, anteriormente ao problema que tive com a AtualCard, ficaram simplesmente perfeitos e inclusive elogiei a AtualCard pelo sistema de mensagens. Depois desses trabalhos a AtualCard resolveu utilizar um papel de péssima qualidade (conforme descrito acima em meu comentário anterior) e sabe de quem é a culpa pela economia deles? Minha (nossa). Não avisaram nada que usariam uma papel de baixa qualidade, não abaixaram o preço de um material que chegaria com uma qualidade inferior e não me deram a opção de escolher fazer os impressos em outro local para evitar o problema.

      Resumo: Me fizeram acreditar que receberia um material com a mesma qualidade dos anteriores, e de mais de 5 anos trabalhando com eles, e como cortesia recebia uma bela resposta que em nada tinha relação com a minha reclamação: “Prezado cliente; Seus arquivos foram verificados juntamente com o setor responsável onde não constatamos divergências o mesmo foi impresso conforme arquivo enviado. Atenciosamente”.

      • Paulo Valle
        Author

        Muito boa a sua dica do Paulo Henrique Borges. É uma grande comprovação da união das gráficas.
        Uma coisa que eu não entendo é a diferença no atendimento. Sei que a qualidade final é exatamente a mesma, mas o atendimento tem muita diferença de uma para outra assim como a tecnologia de envio dos arquivos, verificações, etc. Eu já tive problemas similares em duas empresas “diferentes” e com soluções totalmente diferentes. A maioria dos problemas apresentados aqui já ocorreu comigo, afinal eu rodava só em cartões uns 120 milheiros por semana (nos tempo áureos).
        Não dá para entender mesmo.
        E pior, os concorrentes das demais cidades nada fazem para aproveitar este gancho. Não pegam as melhores idéias e aplicam… no fim, eles tem o monopólio, e os outros as migalhas. Entenda migalhas por os trabalhos dos que ficaram descontentes, no tempo de estão descontentes, até que o preço fale, de novo, mais alto.
        Abraços,

        • Glaucio

          Acredito que no começo elas realmente não eram administradas pelo mesmo grupo. Eu entrei para a AtualCard alguns meses depois de já ter rodado alguns impressos na BrasilGraf e até então eram bem distintas. Depois de algum tempo foram padronizando o atendimento e os produtos disponíveis, ao mesmo tempo que criavam pequenos diferenciais, como por exemplo o frete grátis da BrasilGraf. Fusão similar a da Americanas, Submarino e Shoptime pela B2W, mas que ainda mantém equipes distintas em cada empresa. O péssimo resultado dessas atrapalhadas fusões já é conhecido dos consumidores.

          Entre os dias 16 e 17 de abril todos os sites do grupo, que estão hospedados no “onda.com.br”, estavam com problemas para abrir e ainda no dia 17 eu recebi um e-mail igual da BrasilGraf e da AtualCard, que só mudaram o nome da gráfica e a cor do fundo, se desculpando pelos problemas técnicos: http://i45.tinypic.com/2zgvnmb.jpg

          Recentemente outras duas gráficas (Futura e GIV) também se unificaram. Elas tem um material de excelente qualidade e bons preços, mas pecam no atendimento (as vezes leva dias para conseguir uma resposta), na diversificação de produtos e o processo de compra no site é bem problemático e sem informações necessárias.

            • Paulo Valle
              Author

              Se for isso dá até cadeia. É um grupo econômico fazendo algo ilícito com o consumidor. Tive uma péssima experiencia com a impresso na WEB… sumiram com um produto e ao avisar só ouvi respostas mal criadas,até que recebi o serviço seguinte e o anterior tinha sumido no além… deve ter ido para os clientes da AtualCard de outro estado. Pelo menos desta vez me devolveram o dinheiro sem muito esforço.
              Mas, cadê a concorrência que não se ajusta com a questão de logistica de entrega a nível nacional?

    • Cleberson,
      Obrigado pelo comentário.
      Seja mais específico com o problema e indique soluções.
      Já estamos comentando a respeito desta falta de comunicação com o cliente e com a possível concentração de empresas, mascarando uma empresa ainda maior.
      Abraços,

  4. Marco Aurélio

    Muito bom o artigo, porém como podemos ver a empresa é bem falcatrua. Suspeitava bastante que é um monopolio, que na verdade todas essas gráficas são as mesmas!
    E depois que o Glaucio passou esse link “website.informer.com/Paulo+Henrique+Borges.html”, foi comprovado que se trata de um grupo mesmo. Esperto esse sr. Paulo.
    Mas da para identificar bem algumas (das muitas) semelhanças.

    Procurei por várias gráficas online, e consegui uma lista e fui observando que é tudo do mesmo balaio. É so olhar esses sites: http://cartoesbh.com.br/produto com essa: http://cartoesmaisbarato.com.br/produto – Nesse caso nem tiveram o esforço de mudar o desenho, layout do site.

    Em outra oportunidade, recebi tambem um email com o endereço de remetente “Atual Card” mas com conteudo da “Capital Cartões”. Sem falar também que sempre que eu recebo um email da “GIV” (https://www.givonline.com.br), também recebo da “Futura Imbativel” (https://www.futuraimbativel.com), mesmo layout só com cores diferentes.

    De todas as gráficas, algumas que não vi identificação com “esses” grupos: “Mister Print” (https://www.misterprint.com.br/), “Impresso na Web” (https://impressonaweb.com.br/), “Graftual” (http://www.graftual.com.br/) e por último a gráfica no qual comecei a trabalhar a pouco tempo, mas que está me surpreendendo “Gráfica na Web” (https://graficanaweb.com.br/)
    Se pelo menos a qualidade continuasse boa, mas parece que quanto mais cresce, menos se importam com seus clientes, afinal se não comprar com a grafica “A”, e for para a “B”, o dinheiro continua indo para o mesmo bolso!

    E de tanta sardinha puxada para a Atualcard nesse artigo, fico até com um pé atráz com esse site cardquali!.. (brincando).

  5. Jose

    Estou fazendo com a Mediatall alguem conhece?A qualidade deles é impecável, e realmente produzem o material em 24horas, pois mandei o matérial na quarta as 17:50 e fui retirar o material no outro dia as 13:00 em perfeitas condições e qualidade..indico ela, sem preocupação, segue o site deles – http://www.mediatall.com.br

    • Paulo Valle
      Author

      Só não gostei do preço! Bem mais salgado que na Atual Card. Fica o alerta que grande número de empresas pegam com a Atual e repassam com valores maiores.
      A entrega também tem que ser pesada… Eles entregam grátis no brasil todo?

      • Glaucio

        Muito salgado ;), mas a dica é boa. Infelizmente é complicado (quase impossível) tentar repassar para os clientes os valores atuais da Mediatall, mesmo que a qualidade seja impecável.

        “Fica o alerta que grande número de empresas pegam com a Atual e repassam…” E ainda mais agora com os “Agentes Oficiais” que o bolo vai solar de vez. Tem “gráfica” pipocando para todos os lados.

  6. Debora

    Gostaria de saber sua opinião sobre o programa de Agentes Oficiais da Atual Card, não sou do ramo, mas fiquei interessada em começar um negocio neste segmento, você que tem muita exeriencia, acha que é um bom negocio ? será que o mercado não vai saturar, rapidamente ? Gostaria de receber informações de alguém que conhece bem o ramo, se puder me ajudar, ficarei grata.

    • Paulo Valle
      Author

      Não vi grandes vantagens.
      A margem de lucro geralmente do vendedor é de 50% a 100%. No programa deles fica em 10 a 13 %.
      Tem o uso do site como vantagem, mas não considero ela tão grande assim.
      E você fica com apenas 1 fornecedor, e como dizem por aí: Quem tem 1 fornecedor não tem nenhum.
      Será que eles vão assumir os erros de produção ou vão continuar jogando a culpa nos clientes???

  7. Roberto

    Paulo Valle, até acredito que você estava na melhor das boas intenções em fazer este post da atual card, mas creio que você não está comprando nesta gráfica. Eu já comprei e muito, mas últimamente eu não indico pra ninguém. Como você disse… erros naturais de uma gráfica desse porte…Mas convenhamos, tudo bem que se erre, mas agora em tamanha quantidade e ainda por cima não assume os erros!!!

    • Paulo Valle
      Author

      Roberto,
      Pelos comentários você vai perceber o Caos que é o atendimento, não só dela, mas de todas as gráficas.
      Coloca por favor nos comentários as suas experiencias (positivas e negativas) para servir de base para os demais leitores.
      Você vai perceber que o que é bom para um é pessimo para o outro, pois os erros são quase sempre os mesmos que você citou… vai muito de ser ou não sorteado com os erros.
      Valeu pelo comentário.

  8. Henrique

    Estou tentando resolver um grande pepino aqui, mas depois de ler todos este tópicos confesso que já estou achando que a vaca foi pro brejo. Me entregaram 1000 envelopes Sacos 26x36cm – 1000 papéis timbrados e 1000 envelopes carta do mesmo pedido e para o mesmo cliente, mas cada material apresentou um tom de bege diferente. Adivinhem o que aconteceu??? O cliente não aceitou. Já estou na parte do “envie 10% do material para nossa caixa postal”. A justificativa: Foram rodadas em em “máquinários diferentes” por isso a divergência de cores. Como dou um explicação dessas pro meu cliente???? A Atual Card já recebeu o pagamento dela eu ainda não. Está acontecendo o que muitos já disseram aí: Já rodamos e entregamos com péssima qualidade e já recebemos o nosso pagamento, agora você se vira aí com seu cliente. Já tive uma experiencia negativa com eles, vamos ver se vai se repetir. Parece que eles não se preocupam com o sistema “Parcerias”, onde a solução de um problema que aparece traz mais confiança para futuros trabalhos. É uma pena termos empresas como esta atitude no mercado. Mas eu estou disposto a entrar na justiça caso eles não apresentem uma solução – Não vou ficar no prejuízo.

    • Paulo Valle
      Author

      Realmente, Vai ser um problema sério resolver este problema com a atual card. O segredo é vender antecipadamente este tipo de possibilidade.
      Como? Apresentando dois orçamentos. O feito em grupo sem controle preciso de cores (Atual Card) ou um mais caro com total controle de cores (Uma gráfica de grande porte com prova de cores).
      Assim o cliente, mesmo que peça o mais barato, fica mais propenso a aceitar o serviço.
      Para o futuro você pode tentar a pargraf (http://www.cardquali.com/graficas-pargraf/). Eles ocupam a posição da gráfica que citei na segunda categoria e tem alguma coisa como na primeira (serviços em grupo).
      A diferença principal é que dá pra falar com eles.
      Quem sabe não é uma solução (vai depender do seu orçamento junto ao cliente).
      Boa sorte na batalha na justiça. Mantenha-nos informados, pois pode-se criar uma jurisprudência favorável para novas disputas e quem sabe eles não tomam jeito.
      Abraços,

    • Paulo Valle
      Author

      Ricardo,

      Legal o site que você montou.
      Essa semana mesmo estava comentando com minha esposa de sites que fazem isto (que ainda são raros… conheço apenas uns 3 pouco difundidos).
      Vou deixar o seu link aqui na postagem para nossos leitores conhecerem.

      Abraços,

  9. Renato

    Respondendo a pergunta pq a maioria dos sites são de curitiba… pq todos os sites pertencem ao mesmo grupo… nada melhor que concorrer com vc mesmo.

  10. Paulo ALmeida

    Acho que todos revendedores gráficos e designer que revendem material gráfico deveriam boicotar a rede Atual Card, pois ele anunciam seu preços direto para o consumidor final, não existe uma parceria com revenda. Todo mundo tem acesso aos preços, ai vai sempre acontecer daquele cliente dizer, “nossa seu valor tá maior do que da Atual Card” e assim desvalorizar seu trabalho.

    • Paulo Valle
      Author

      Paulo,
      Concordo em parte.
      Acontece que muitos, senão todos, os distribuidores gráficos tem este procedimento.
      Mas um serviço gráfico não é apenas o material sendo rodado, tem o lado de fazer a arte, de atender o cliente e tudo mais.
      Eu cheguei a passar coisa parecida fazendo calendários aqui no Rio, na época que era em tipografia. Eu colocava para um fornecedor cerca de 300 trabalhos de tipografia na época natalina. Fiz isso por alguns anos consecutivos.
      Depois de um tempo ele resolveu ir direto ao cliente cobrando R$ 30 ou seja apena R$ 5 a mais do que eu pagava. Moral da história: Ele passou a fazer apenas uns 30 trabalhos, pois tinha que ficar batendo perna pra achar cliente e rodar os trabalhos… e acabou quebrando.
      Com as grandes redes pode acontecer o mesmo… vão deixar de tratar com 100 gráficos que sabem o que estão fazendo e vão ter que tratar com 2000 clientes que não tem a menor idéia do que querem… moral da história: Vão atender menos clientes e vão quebrar.
      O cliente reclamar, vai sempre reclamar…. minha dica é deixar de vender preço e passar a vender valor!!!!

      Abraços!

      • Paulo ALmeida

        não concordo, existem em São Paulo muitas empresas que levam a sério a questão de parceria. Só disponibilizam o acesso aos preços após cadastro. Outras só aceitam atender empresas que comprovem que são revenda gráfica.
        SIm, eu sou adepto da ideia de vender valor e não preço. Por isso não faço nunca mais material na Atual, pois já tive muitos, mas muito mesmo, problema com qualidade, entrega, atendimento etc etc. Hoje pago mais caro em outras empresas que levam o revendedor mais a sério e prezam mais pela qualidade, todas estão sujeitas a cometerem erros, mas a Atual, é complicado. Conheço dezenas de casos de conhecidos meus que quebraram a cara com rede Atual Card.
        A Atual abrindo os preços para o consumidor final prejudica todo o mercado, pois como você vai convencer o cliente que o cartão que eles vendem por 60 você tá vendendo por R$ 150,00? No meu caso vendo por R$ 240,00. EU consigo vender, é o mesmo mesmo material da Atual (quando fazem bem feito), muitos clientes pagam R$ 240,00, é a idea de vender valor. Mas imagina você o cliente vendo o preço da Atual de 60 e o meu de R$ 240,00, que fosse R$ 120,00, com as mesmas especificações…..E aí? Imagina o revendedor que faz na atual e o cliente dele vê o preço da Atual na Internet? O que ele pode dizer? E se o cliente fizer um teste e rodar o material na Atual e vê que vai sair do mesmo jeito? O que o cliente vai pensar do seu fornecedor? que está roubando ele, que é um absurdo cobrar o dobro etc etc.
        A Atual pode fazer isso, atender o consumidor final, que seja, se eles querem vender e pronto, tá certo, é um direito deles, agora não acho inteligente quem quer revender material gráfico fazer “parceria” com a Atual, pois você estará “ajudando” que não está nem ai com você, que não se importa com você. Já recebi centenas de ligação de pessoas me questionando que acharam um cartão por R$ 20,00 e o meu era R$ 90,00, preço que até a Atual recomenda vender o material para o consumidor final, mas amigo, é complicado você virar o jogo nesse caso, é possível, mas difícil. Se algo sair errado, você está ferrado, pois o cara vai pensar, nossa, devia ter pagado 20. Enfim…Abraço e parabéns pelo canal de discussão e informação.

        • Paulo Valle
          Author

          Paulo,
          Eu também concordo em grande parte com você. Essa guerra de preços foi uma das coisas que me afastou da área gráfica, apesar dos elogios que eu recebia no meu atendimento.
          Já tentei trabalhar com algumas gráficas de São Paulo, mas a questão dos prazos e do frete atrapalha tudo.
          Aqui no Rio, tive problemas com qualidade com praticamente todos os distribuidores gráficos. Nesse ponto são iguaizinhos a Atual Card (rede).
          Se você consegue boa entrada nas gráficas de São Paulo sugere eles melhorarem a questão de frete… eu adoraria divulgar opções à Atual Card… mas sinceramente, a nível Brasil, é bem complicado.
          Na questão de colocarem o mesmo preço para os clientes, concordo que deveriam ter 2 ou mais níveis de preços. Acontece que alguns fazem ainda pior. Tive um distribuidor do Rio que a alguns anos chegou a ligar para meus clientes. Eu fazia na época a intermediação dos serviços entre este distribuidor e diversas gráficas de pequeno porte cobrando um pequeno ágio. Eu rodava uns 120 milheiros por semana e ví minhas vendas cairem para algo como uns 4 milheiros semanais em menos de 1 mês. Na época tive que começar a rodar meus próprios cartões para recuperar parte destes clientes numa disputa de preço infernal. Acho que não foi bom para mim, nem para o distribuidor, que passou a ter dor de cabeça com os arquivos mal fechados destes clientes (eles não dominavam as técnicas de fechamento. No final ele trocou os meus 120 milheiros semanais por uns 60 milheiros dos clientes roubados.
          Bem parecido com o caso dos calendários que citei na outra resposta.
          Valeu pela participação.
          Abraços,

  11. Tony

    Trabalho a 2 anos com Atual e já tentei outras, andei fazendo alguns pedidos com Futura Imbativel, pela quantidade de pedido achei o índice de ineficiência da atual pequeno sempre tive bons resultados, e site é muito simples de operar com dicas muito boas, é claro vou continuar buscando qualidade mas até agora não tive reclamações de clientes que fossem relevante. não dá para avaliar com uma gráfica com uma pequena quantidade de pedidos.
    Acho que problemas todas tem nenhuma ´100% por enquanto tenho a Atual como primeira opção.

    • Paulo Valle
      Author

      Aqui no Rio eu tenho melhor. Não uma, mas várias.
      O chato da Atual é a questão de qualidade de atendimento… os caras não ouvem os contatos simples, de coisas fáceis de consertar e acabam tendo esta enxurrada de reclamação.
      Semana passada fiz um pedido na impresso na web (dizem ser também da atual). Eles sumiram com um produto, por extravio simples, e ao perguntar sobre o produto e o prazo já passado, os caras vieram cheio de pedras dizendo que se eu quisesse serviço rápido pedisse por sedex. No dia seguinte chegou um serviço que nem tinha saído de lá (pelo menos no sistema) e ao ligar de novo, constataram que o serviço anterior tinha realmente sumido e estavam brigando comigo por causa de um serviço no prazo e não o atrasado e extraviado.
      Já tive uns 10 casos desses, com a Atual, impresso na web, powercard, e outras da “rede curitibana”.
      Por isso é que eu falo… qualidade de impressão nota 8, qualidade de logistica dá uns 9 a nível nacional (o que é ótimo), mas em atendimento cai para uns 3 ou 4… pelo menso dessa vez me devolveram o dinheiro… de outras vezes preferiram me banir do site sem devolver nada… mas como entregaram coisas sem eu pagar também ficamos quites… é eles cometem erros contra eles também!!!

  12. Artur Acioli

    Aconteceu 2 problemas comigo com atualcard, o primeiro foi com cartão de visita que era com os cantos redondos e eles mandaram com cantos reto, mais o problema foi resolvido eles deram o credito na próxima compra. O Segundo problema foi um cartão de visita com verniz localizado papel couché com a gramatura de 300, quando o material chegou foi um material horrível, até parece que eles pegaram uma folha de papelão e colaram uma na outra e ficaram se soltando | resumido a história tive que tira meu lucro , pra não fica totalmente no prejuízo

    • Paulo Valle
      Author

      Nem te conto quantas vezes eles furaram comigo. Mas não é só eles. Já tive numa gráfica do Rio, frente a frente com o dono, com um panfleto na cor roxa e outro vermelho e o cara fazia de conta que estavam iguais. Perderam o cliente. Hoje mesmo um cliente meu errou ao checar a amostra e saiu um telefone errado. Conversei com ele, mostrei que ele tinha sido afoito ao aprovar a arte, mas que assim mesmo eu ia refazer o cartão. Ficou todo feliz. Não demorou muito, pediu outras mudanças no cartão e disse que pagava tudo… eu fiz uma média e cobrei apenas o custo para mim. Cliente feliz e sem nenhum custo adicional! Os grandes deveriam aprender com os pequenos… o primeiro grande que tiver essa atitude vai ver como o mercado vai correr para ele e como a participação de mercado dele vai aumentar.
      Abraços,

  13. Artur Acioli

    Paulo como é que você faz pra manda o material do cliente pra gráfica, você pede o cliente 50% na aprovação da arte e os outros 50% quando entregar o material?

    • Paulo Valle
      Author

      Depende do cliente.
      Meus clientes do mercado livre pagam 100% + frete adiantado. A tendência é eu nem conhecer eles, pois tem muita venda para fora da cidade.
      Os demais clientes vai depender mais do meu caixa do que necessariamente de confiança com o cliente. Eu dou garantia nos meus produtos… refaço mesmo em caso de erro. Não fujo da responsabilidade e quando o erro parte do cliente, eu facilito a reimpressão para ele.
      Nestes casos eu tenho desde clientes que eu banco 100% da produção e só depois recebo até aqueles casos que pego adiantado. Vai depender muito do porte da venda. Um cartão de visita não me dá problema de fluxo. Mas uma revista de R$1 mil ou R$ 2 mil vai me gerar um problema. A tendencia é pegar o meu custo adiantado e facilitar o cliente com o restante. Eu coloco normalmente 1,5 x o custo, ou seja 70% é o meu custo aproximado. Vale lembrar que eu me posiciono como um canal de distribuição. Não faço visitas a cliente e nem entrego. É tudo por email e correio (entregas só pra vizinho a menos de 1 km de distancia).
      Se você tem problema de caixa é bom sempre pedir o que cubra o seu custo e redobrar a atenção na arte e aprovação, para não ter prejuízos.
      Abraços,

  14. Artur Acioli

    Paulo, ainda bem que eu encontrei esse blog, foi por meio do Clube do Design que cheguei nesse blog (site) você tá abrindo minha mente to lendo vários post e cada um melhor do que outro
    É muito bom você ter uma canal aonde tira as duvidas recebe informações de pessoas mais experientes, eu to gostando muito
    Eu trabalho na área mais as vezes ficava perdido a forma de compra o cliente

    • Paulo Valle
      Author

      Artur,
      O Dicas Gráficas do cardquali e o clube do design tem uma ligação muito forte. Inclusive há divulgação conjunta dos artigos dos dois blogs. Eles meio que se complementam. O Liute é um grande parceiro com abertura total no meu blog.
      Eu tenho bastante conhecimento na área de produção, apesar de ter trabalhado apenas com gráficas pequenas, pois eu me informo muito. Além disso, depois que fechei a minha gráfica anos atrás, fiz um curso de administração e de ciencias contábeis, que me deram uma base muito grande dos erros que quase todos nós cometemos e o que precisa ser feito para dar certo.
      Na verdade, hoje, estou voltando para a área, com uma mão na frente e outra atrás, sem capital e pouco a pouco venho aplicando as próprias técnicas que ensino aqui, na tentativa de fazer uma grande gráfica.
      Logo, logo, você vai ver postagens aqui mostrando essa experiencia de aprender com a minha própria teoria.
      Na postagem que eu fiz hoje sobre erros usei um exemplo que aconteceu comigo ainda esta semana. Vale a pena dar uma olhada pois tem haver diretamente com clientes.
      Abraços,

      • NILSON CELIO

        Paulo, Estou querendo iniciar nesse mercado fazendo alguns serviços graficos(faço a arte e terceirizo as impressões nas graficas on line) aqui na minha cidade(Jequitibá-MG aproximadamente 110 km de Belo Horizonte) que por sinal é muito carente nesse aspecto, porém estou com um pouco de resceio devido eu ter feito somente um curso basico de designer grafico em 2011 e de lá pra cá tenho buscado por informações sobre o mercado e tecnicas aplicadas na area grafica. Proximo à cidade onde moro tem uma faculdade que tem o curso superior de comunicação com enfase em publicidade e propaganda, só que no momento não tenho condições de fazer-lo o que seria bem interessante. Diante disso gostaria da sua opinião sobre o que você me recomendaria com relação à leituras ou cursos on lines que poderiam me dar maiores informações sobre o mundo do designer grafico. Inclusive até gostaria de saber se tem por ventura alguma grafica on line que confecciona impressos fiscais, acredito que não mas não custa perguntar.
        Desde já agradeço!

        • Paulo Valle
          Author

          Nilson,
          Procurar qualificação é sempre uma boa medida.
          Creio que você terá poucas opções online, mas acho que dá para avançar bastante sem gastar muito.
          No seu caso eu iniciaria fazendo a Criativosfera, que é um curso de design, e ensina não o uso dos softwares em si, mas sim os aspectos que vão ajudar a dar um aspecto mais profissional a suas artes.
          Eles estavam com uma promoção que estava baixando o preço para R$ 70. Segue o link: http://criativosfera.com/cadastre-se/?ref=designblog (Corre pois ele não vai ficar muito tempo no ar).
          É bom lembrar que é uma taxa única. Eu paguei R$ 10 a 3 meses atrás no lançamento e chamei todos para fazer. Hoje custa R$ 100, mas a tendencia é ir subindo o preço. O conteúdo, pelo que eu vi até agora,é compatível com as melhores escolas. É em texto, pois eles tentaram fazer através de vídeos, mas não se sustentaram e estão reabrindo agora.
          Para uso dos softwares eu indico os cursos de Corel e Photoshop do Cursos 24 horas. Se interessar se cadastra pelos links nas laterais do meu blog. Eles custam pouco, são em vídeo, são completos, porém básicos. Dá para ir repetindo diversas vezes, melhorando a cada leitura. A diferença deles para os nossos cursos é que por serem completos você põem logo a mão na massa e começa a trabalhar e eles dão comprovante que é válido para conseguir emprego, se quiser. O nosso é melhor, mas está muito longe de chegar ao fim.
          Fazendo estes dois, e treinando bastante, você será capaz de ir melhorando e se sentir mais seguro.
          Uma coisa que eu indico também é entrar no facebook e procurar a página do clube do design. É uma página fechada, mas basta pedir a sua adesão que o Liute te autoriza a entrar. Funciona como um clube de pessoas da área, que ficam postando trabalhos e pedindo a opinião um dos outros. É excelente para ter um feedback de quem realmente sabe trabalhar. E tem gente de todas as categorias, de modo a não se sentir inibido de colocar trabalhos básicos. O pessoal é super legal. Eu entro sempre que posso.
          O site do Liute também é excelente. Entra pelo http://www.clubedodesign.com e segue os demais links para os outros blogs dele.
          Ultima pergunta. Vou te indicar uma gráfica offline para seus impressos fiscais. A Oasis Gráfica, que eu já falei aqui no blog, do amigo Ronaldo é uma das melhores na confecção de impressos fiscais aqui no Rio. Infelizmente a nota fiscal eletrônica chegou no Rio e deixou ele em maus lençóis. Contata ele e vê como pode ser feito esse trabalho de vocês dois. Infelizmente o frete deve encarecer um pouco as coisas. emails… grafica@oasis.art.br e marcio@oasis.art.br e tels. (21) 3395-4783 ou (21) 3395-3542 (Ronaldo).
          Espero ter ajudado.
          Abraços,

    • Paulo Valle
      Author

      Rayan,

      Não tem mistério. A decisão depende de que local do Brasil você está.
      Eu compro quase tudo na Padrão Color aqui do Rio que tem bons preços e entrega por apenas R$ 8, em qualquer quantidade.
      Existem alguns produtos que eles não fazem, que eu peço a AtualCard através de um distribuidor aqui da Barra, que me dá 5% de desconto e é relativamente perto para pegar os produtos.
      Estou de olho em outro distribuidor deles que fala em 10% e que entrega, ele é em Guaratiba… estou programando uma visita. E fui contatado por uma gráfica de Ramos que promete um preço muito bom, mas apenas para alguns produtos.
      Dependendo de onde você esteja as coisas mudam de figura. Eu vendo 100% das minhas coisas pela internet. Sou concorrente dos meus fornecedores e faço o diferencial no atendimento.
      Você pode ter outro perfil e talvez seja melhor trabalhar com outros distribuidores.
      Abraços,

      • NILSON CELIO

        Paulo,
        Estive verificando o site da grafica Eurocartões, não tem muita variedade de impressos, mas parece ser uma boa grafica. Qual sua opinião sobre a mesma? Você me recomendaria?
        Desde já agradeço!

        • Paulo Valle
          Author

          Eu não tenho experiência com eles. Eles sempre me mandam mala direta e parecem funcionar bem. O esquema de entrega deles é bem parecido com o da AtualCard, inclusive nos mesmos endereços. Não sei te dizer se eles cumprem os prazos e se refazem mercadorias quando erram alguma coisa. Este tipo de informação somente se tem quando se começa a trabalhar com a gráfica… e depende muito de sorte e azar.
          Se experimentar eles coloca aqui as suas impressões!
          Abraços,

        • Glaucio

          Nilson, eu também nunca fiz material lá, mas recebi as amostras. Sinceramente eu não gostei muito da qualidade final dos impressos e talvez seja por este motivo que ainda não tive coragem de testá-la em qualquer serviço. Já do atendimento eu gostei.

        • Glaucio

          Nilson, nessa eu não só fiz diversos serviços, como infelizmente também já fui forçado a abandoná-la (espero que por enquanto).

          O material é realmente de excelente qualidade. Na minha opinião impecável para os valores cobrados e ainda sem preocupação com tonalidades erradas. Algum pequeno problema ou outro entre os serviços, mas nada que justificasse, até então, a minha saída temporária de lá. Em breve farei uma terceira tentativa de retorno.

          Não consegui ainda saber exatamente o real problema, já que eles não falam mesmo, mas ultimamente estão completamente enrolados. A minha suspeita é que demitiram alguns profissionais experientes e tudo ficou muito precário.

          – O atendimento (SAC) que já não era dos melhores: piorou muito
          – Os prazos que já não eram tão perfeitos: piorou
          – A qualidade no acabamento e do material (papéis/tintas): teve uma pequena queda, porém pode ter sido um problema temporário do fabricante.
          – E o mais grave e absurdo dos problemas: começaram a rejeitar sem motivos os arquivos enviados. O atendimento ao informar por e-mail que os “arquivos corretos” enviados pelo site estavam “errados”, “ensinava errado” como consertar um arquivo certo para torná-lo errado. Deu para entender? rs…

          Depois da lama feita por eles mesmos, era impossível fazer com que o serviço entrasse em produção. Ficava lá parado e todo dia era uma desculpa diferente. Não tem como ficar esperando eles pararem de bater cabeça por duas semanas.

          Uma pena… Espero algum dia poder voltar para a Futura.

          Abraços e boa sorte.

    • Paulo Valle
      Author

      Normalmente não. Tem que brigar!
      Eu pessoalmente acho o cúmulo! Quando eu fazia minhas chapas de cartões eu tinha uma margem de uns 5%…. eles trabalham com margem negativa e quando o impressor pisa na bola ainda fazem esta gracinha.
      Quer confirmar? Começa a contar os cartões e panfletos… é sempre menor.
      Abraços,

  15. Rodrigo

    Atual Card ela engana seus clientes.

    No envelopes de modelos, os produtos vem todos bonitos, certos e na gramatura correta.

    Fiz uma encomenda de papel timbrado para ser impresso em sulfite 90g e ao receber o serviço, o mesmo foi impresso em 75g.

    Questionando sobre a qualidade do papel, tive que ler as seguintes respostas:

    “As notas fiscais das indústrias de papéis possuem a descrição do papel sulfite 90gr , pode ocorrer uma inconformidade nos papéis, pois uma marca pode apresentar o papel mais áspero, este fato ocorre devido a forma de armazenamento de papéis nas indústrias, contamos com sua compreensão”

    “Foram feitas as devidas verificações junto a matriz que foi impressa seu material, porém o mesmo se encontra com gramatura correta, e o material sulfite que está sendo utilizado na produção tem a mesma gramatura da matriz, onde não há como procedermos”.

    Então quer dizer que eles compram na nota 90gr, recebe 75gr e põe para rodar o serviço ?

    E a amostra de tenho em mãos, não tem a mesma qualidade do serviço que recebi.

    Conclusão: Eles te oferecem um produto, você compra, te entregam outro tem que engolir o que eles mandam para você ?

    Quando reclamamos para essas empresas, é para que eles fiquem atentos no que não passam pelos olhos deles. Pois erros são mais caros do que fazer serviços certos. Mas infelizmente fazer serviços corretos, não faz parte da AtualCard e das outras coligada do Sr. Paulo Henrique Borges.

    Eu prezo por qualidade, por isso essas empresas estão fora da minha lista de fornecedores

    Para mim isso se chama roubo e estelionato.

    • Paulo Valle
      Author

      Rodrigo,

      Concordo plenamente.
      A tal variação até existe, mas é bem menor do que a desculpa.
      A do 90 g fica de 85 a 95 g aproximadamente. Para cima e para baixo… variação apenas negativa é ROUBO MESMO!!!!
      Vendo os comentários acima você vai notar que muita gente tem bronca da Atual Card e Cia. Mas mesmo assim acabam trabalhando com alguns produtos deles.
      O que eu gosto de lá é a logística de entrega que faz grande diferença para quem está longe.
      Quem tem opção por valores em conta deve procurar a opção.

      Agora, por que ninguém aproveitas essas falhas e faz uma concorrência real a nível nacional????

      Abraços,

      • Glaucio

        E aí Paulo, tudo bom?

        Com certeza seria o sonho de consumo de todos: uma gráfica com excelente material, preço bom que permita a revenda sem assustar o cliente e um SAC impecável. Mesmo que em algum momento a Gráfica apresente alguma deficiência, os atendentes sejam comprometidos e capacitados o suficiente para solução dos problemas rapidamente. Seja uma simples atenção com repostas claras, desconto num serviço futuro ou refazendo o material.

        Tem Gráfica que faz tudo certo. Atende bem, site bem organizado, entrega no tempo informado, material bem impresso, mas depois chega na hora de cortar usa faca gasta e danifica toda a lateral dos cartões.

        Abraços!

        • Paulo Valle
          Author

          Não seria nem problema, se viesse com um pedido de desculpas e se refizesse o material. Qualquer empresa pode ser vítima de um funcionário num mal dia.
          O grande problema realmente são as desculpas.

          Aqui na minha pequena e modesta gráfica, o cliente reclama e a resposta imediata é pode ficar tranquilo que iremos resolver o seu problema… daí, com o cliente mais tranquilo, descobrimos qual foi a falha e verificamos o que fica bom para o cliente. Tem cliente que quer o dinheiro de volta, outros querem que refaça parte ou todo o serviço, mas a grande maioria quer apenas nos avisar que estamos com um problema e que tomemos as providencias para acabar (ou minimizar) os erros nas próximas vezes.
          Devemos lembrar que cliente não é o mesmo que venda. Venda é uma só… não acontece outra. Cliente são diversas vendas feitas de tempos em tempos.

          Eu já trabalhei com computadores usados. Pegava num local e entregava em outro. As vezes eles nem chegavam na minha casa. Quando um cliente reclamava que o micro estava ruim eu imediatamente retirava o produto e colocava outro, independentemente do valor. Se vai concertar ou não é preocupação do vendedor e não do cliente. Mesmo num mercado desses não era raro eu fazer 4 ou 5 vendas para cada cliente. O cliente nem ligava para a concorrência. Minha atitude falava mais alto e por muito tempo fui líder de mercado aqui no Rio.

          Se um dia eu chegar a controlar uma dessas gráficas grandes com certeza serei líder de mercado… e não vou nem precisar ter o menor preço! É bom atendimento que os clientes procuram!
          Abraços!

    • Glaucio

      Rodrigo, a Atual é muito complicada mesmo. Até hoje foi a minha maior decepção e maior prejuízo. E é assim mesmo… funciona bem até eles errarem feio. Depois disso ficam cegos, surdos e mudos.

      A péssima impressão que a Atual (e família) deixa é a seguinte: se você mandar rodar um cartão de visita que tenha uma cachorro na frete e eles imprimirem um elefante no lugar do cachorro, eles vão te responder dizendo que os dois são animais bonitinhos e que não inviabiliza a utilização do material. E o seu cliente do “PET SHOP”, que encomendou o cartão de visita, que passe a vender ração e dar banho em elefantes.

      Das gráficas de Curitiba eu ando passando longe.

      Abraços!

  16. Paulo,
    Você que sabe muito sobre o assunto sobre gráfica.
    Estou montando o meu site, sabe me dizer como contrato empresas de transportes para ter vários balcões de retiradas igual da atual card e outras..??

    • Paulo Valle
      Author

      Não sei se seu volume vai permitir.
      A entrega deles é feita por empresa de onibus. É a TEX. Basta ir no escritório da TEX da sua cidade e consultar o operador. O endereço você pega do site da própria AtualCard.
      Dizendo onde você está eu posso mastigar para você.
      Abraços,

  17. Boa noite a todos, sou Edson Rodrigues e gostaria de ajudar vocês que não estão satisfeitos com a Atual Card. Sou Agente Oficial do Rio de Janeiro, faço trabalhos com a Atual a 10 anos. Logo que lançaram o Agente, gostei da ideia e fiz o investimento. Sei que temos problemas como toda gráfica online, mas esse projeto de Agente Oficial veio para corrigir muitas coisas. Estou a disposição para responder as suas perguntas e se quiserem mostrar um pouco da minha experiência como consumidor e como Agente Oficial.

  18. Pingback: Atual Card busca melhorar atendimento no Rio de Janeiro

  19. Não trabalho na área (sou fotógrafo) e utilizei os serviços da Atual Card para cartões de visitas e adesivos por quatro vezes e sempre fiquei satisfeito com o resultado final, embora nem tanto com a demora nas respostas de emails.

    Recentemente enviei o pedido de 1500 cartões 4×4 UV localizado, sendo 1000 com logo, site e email na frente e nome e fones atrás. Nos outros 500 só havia impressão na frente. Estes seriam utilizados como TAGs para serem anexadas aos nossos produtos.

    O pedido foi feito separado.

    Recebi os 1000 primeiro e estavam certinhos.

    Após alguns problemas com o envio da arte (que era exatamente a outra, mas sem impressão no fundo) o pedido foi aprovado. Ao receber, veio a decepção! Os cartões estavam com logo descentralizado e o refile errado, de modo que a impressão estava torta.

    Abri reclamação e me foi solicitado o envio de fotos de 10 unidades, o que fiz de pronto.

    Recebi a mesma resposta esfarrapada que deram ao Glaucio:

    “Prezado cliente; Seus arquivos foram verificados juntamente com o setor responsável onde não constatamos divergências o mesmo foi impresso conforme arquivo enviado. Atenciosamente”.

    Questionei, afinal era claro o erro grosseiro no serviço, mas eles foram irredutíveis!

    Acabei no prejuízo, eles com um cliente a menos e alguém a mais para falar mal da empresa!

  20. Artur

    kkkkkkkk só rindo, aconteceu isso comigo também, teve um problema no meu material e pediram que envia-se umas amostra, tive prejuízo 2 vezes com o material e com envio do material que tive que pagar nos correios kkkkk
    mais isso aconteceu com a gráfica paulista

  21. Paulo, vão fazer dois meses.

    Pior que argumentei de todas as formas. E argumentos sólidos, com as fotos tortas, o logo descentralizado, tudo errado!

    Com todo o meu descontentamento cheguei a blefar pedindo para cancelarem meu cadastro e foi justamente o que fizeram!

    Hoje não quero mais nem acordo com eles ou qualquer outra empresa desse grupo!

    Já havia os indicado para vários amigos, mas hoje mando passarem longe!

    • Paulo Valle
      Author

      Eu te entendo perfeitamente. Mas volto a falar que quanto maior fica o fornecedor e mais depende de funcionários para as decisões, mais isto ocorre.
      Já aconteceu comigo até em gráficas daqui do rio que eu tinha uma boa relação. Numa delas mostrei cinco panfletos com 5 cores diferentes, indo do magenta ao ciano e o cara afirmava que estavam iguais.
      Estava na cara que foi cochilo do impressor.
      Abraços,

    • Bom dia Hosanan Vieira, sou Edson Rodrigues da Promo Ideia! (Agente Oficial da Atual Card no Rio de Janeiro). Sei que não está contente com a Atual Card, você conhece o Projeto Agente Oficial? O projeto veio para aproximar vocês e a Atual Card. Nós (Agentes) somos um um caminho mais curto para que você possa comprar produtos e resolver os problemas possíveis. Temos telefones e funcionários exclusivos para nos atender com prioridade. Entre em contato com algum Agente Oficial e veja se algo irá mudar. Não estou afirmando que não terá problemas, pois erros acontecem. Eu era consumidor final como você e depois que me tornei Agente, percebi que diminuíram os problemas, não acabaram, mas está bem menor. Hoje tenho 3 Agentes (Balcões) e estou querendo abrir o 4º. Dia 4 de Novembro de 2013 a Atual Card comprou a Carioca Cartões e Brasil Graf, com isso passa a ser a maior gráfica online do Brasil. Estamos a cada dia procurando melhorar e posso lhe oferecer os benefícios que tenho como Agente Oficial. Vamos começar do zero e ver se melhora? Entre em contato conosco (Edson Rodrigues e Paulo Valle).

      • Glaucio

        Edson, desculpe discordar de você, mas jamais poderia existir esta compra, se elas sempre foram do mesmo dono. Por algum motivo, seja por livre e espontânea vontade, ou não, resolveram parar de brincar de gato e rato com os clientes.

        Inclusive isto já foi dito neste mesmo tópico por mim ( website.informer.com/Paulo+Henrique+Borges.html ) e pelo Luís ( registro.br/cgi-bin/whois/?qr=661.204.386-53&#lresp ), e eu creio saber deste conjunto da obra desde pelo menos 2008/09.

        Vou além: devido aos antecedentes da PowerCard (Gráfica Power), essa provavelmente nunca faria uma suposta “fusão” com a AtualCard. E como resolveram isto? Fizeram a “fusão” da “Power” com a “cartoesmaisbarato” para diluir e depois provavelmente em breve a AtualCard absorverá a Cartões Mais Barato também.

        De minha parte, e desculpe pela sinceridade, eu acho impossível confiar (ou voltar) numa empresa que, possivelmente tentando acertar, continua errando fazendo manobras desta natureza.

        Abraços!

        • Bom dia Glaucio, como assim sempre foram do mesmo dono?. Não são do mesmo dono, só porque alguns domínios estão no mesmo nome, não quer dizer que será do mesmo dono.

          Eu mesmo tenho vários domínios no meu nome, pois sou webmaster e vendo sites e lojas virtuais. Os domínios estão no meu nome e não sou dono dos negócios dos meus clientes.

          Tem gente que acha que só pelo fato de usarem o mesmo servidor e a mesma plataforma e transportadora, são do mesmo dono. Mas não é assim.

          Ex: Eu uso a Locaweb como servidor, uso o Pagseguro como forma de pagamento e utilizo os Correios para enviar produtos aos clientes.

          Então quer dizer que se outras empresas usarem da mesma forma que eu, serão do meu grupo? Claro que não.

          Mas respeito sua opinião, só estou aqui tentando ajudar quem quer ser ajudado.

          Se precisar de algo, entre em contado.

          • Luis

            Com todo respeito Promo Ideia!,
            apaga esse seu comentário que o argumento beira o ridículo. Entendo que quer defender seu investimento, é louvável isso, mas não viaja.

            Isso é coisa de fundo de quintal, empresa de porte não deixaria a ID da ENTIDADE no nome de um ‘webdesigner’.

            Se você trabalha com isso deveria saber a diferença, e se sabe, está nos confundindo. ID Técnico, Administrativo e Entidade tem uma ENORME diferença.

            Fora que todas elas estão fazendo uma fusão na mesma semana, sem o menor aviso por um processo idêntico. Seria isso coincidência? CLARO QUE NÃO.

            Não estou entrando no mérito se isso é ou não é correto, mas que a empresa tem o mesmo dono, isso tem!

          • Glaucio

            Edson, se fosse o caso, independente do “Paulo H” ser alguém que apenas empresta o nome para registro ou um “webdesigner” que reserva possíveis domínios de gráficas em seu nome e posteriormente as “gráficas” alugam, compram ou o contratam para desenvolver os seus sites, não vou entrar no mérito desta questão (mesmo eu concordando completamente com o comentário do Luis abaixo), pois não seria relevante tão relevante assim. O fato é que todos os impressos, independente da localidade que algumas do grupo diziam/dizem ser, eram/são feitos numa única gráfica, num único local, o restante são apenas sites, escritórios ou balcões, assim como você que é um “Agente Oficial”, mas imprimi também na “Atual”.

            Observação: Não vou colocar aqui dados pessoais de ninguém, porém até poderia já que são todos público.

            Vamos aos fatos:
            Para quem for pesquisar, descobrirá que existe uma grande sociedade. Bom ou não para o ramo, bom, isso não é problema meu, mas, como cliente final, não gostaria nenhum pouco de saber que rodei, rodei, sem na verdade sair do lugar. Seja na Atual, BrasilGraf, Power, Capital ou qualquer outra do grupo, tudo está completamente distribuído entre nomes de pessoas físicas ou jurídicas.

            O “PauloH” (Curitiba/PR), por exemplo, está cadastrado também como pessoa jurídica na Receita com as seguintes informações:
            CÓDIGO E DESCRIÇÃO DA ATIVIDADE ECONÔMICA PRINCIPAL
            47.61-0-02 – Comércio varejista de jornais e revistas
            CÓDIGO E DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ECONÔMICAS SECUNDÁRIAS
            18.22-9-99 – Serviços de acabamentos gráficos, exceto encadernação e plastificação
            CÓDIGO E DESCRIÇÃO DA NATUREZA JURÍDICA
            213-5 – EMPRESARIO (INDIVIDUAL)

            Já a AtualCard (Curitiba/PR) tem 2 CNPJs:
            CÓDIGO E DESCRIÇÃO DA ATIVIDADE ECONÔMICA PRINCIPAL
            18.22-9-99 – Serviços de acabamentos gráficos, exceto encadernação e plastificação
            CÓDIGO E DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ECONÔMICAS SECUNDÁRIAS
            58.19-1-00 – Edição de cadastros, listas e de outros produtos gráficos
            58.29-8-00 – Edição integrada à impressão de cadastros, listas e de outros produtos gráficos
            CÓDIGO E DESCRIÇÃO DA NATUREZA JURÍDICA
            206-2 – SOCIEDADE EMPRESARIA LIMITADA

            …e…

            CÓDIGO E DESCRIÇÃO DA ATIVIDADE ECONÔMICA PRINCIPAL
            46.86-9-01 – Comércio atacadista de papel e papelão em bruto
            CÓDIGO E DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ECONÔMICAS SECUNDÁRIAS
            46.51-6-01 – Comércio atacadista de equipamentos de informática
            46.51-6-02 – Comércio atacadista de suprimentos para informática
            18.22-9-99 – Serviços de acabamentos gráficos, exceto encadernação e plastificação
            58.29-8-00 – Edição integrada à impressão de cadastros, listas e de outros produtos gráficos
            46.87-7-01 – Comércio atacadista de resíduos de papel e papelão
            CÓDIGO E DESCRIÇÃO DA NATUREZA JURÍDICA
            206-2 – SOCIEDADE EMPRESARIA LIMITADA

            A Atual é citada num processo trabalhista juntamente com a “Apia Serviços G” e Virgolina M Borges (graficapower), sendo este último, que seria um dos responsáveis pela “POWER”. Se continuar a procurar é possível encontrar um outro processo trabalhista onde entram a Atual, Power, Brasil, Cartões+B, Paulo H Borges, Paulo G Borges, Virgolina M Borges e etc. Num outro são citados: Atual, Ely L Rozario (titular das cc da BrasilGraf), PauloH (e G) Borges e etc.

            Quase todas estas citações existentes no TRT aparentemente tem em comum o desconhecimento dos endereços verdadeiros das “Gráficas”. A Atual, por exemplo, tem 2 endereços e assim como os outros CNPJs aparentemente são endereços residenciais/escritórios.

            Observação: Volto a repetir que todos os dados estão na Internet e são de domínio público, sejam eles por pesquisa no Google (e cache), no site da Receita, do Tribunal Regional do Trabalho, no ReclameAqui, Dados das Notas Fiscais emitidas pelas gráficas, sites diversos e dentro do próprio site das Gráficas.

            O endereço real da Gráfica Atual (e grupo) fica em NOVO MUNDO/PR e pelo “Google Maps” é possível fazer um “Tour” pelo lado de fora.

            Bom, e para por um fim em toda esta história de quem é quem ou não é, pelo menos de minha parte, segue um endereço na internet que tira todas as dúvidas que ainda possam existir: http://www.dardus.com.br/empresa/1423601/Atual-Comercio-Exterior-Ltda

            Cliquem no link em “Contatos nesta empresa”.

            Abraços!

  22. Joao Bosato

    A AtualCard tem pelos menos 12 sites com “fachadas” diferentes.
    Eu não teria nada contra isso se não soasse como uma ‘enganação’. Pois, como o colega mesmo disse, você acha que está procurando outra gráfica, mas é tudo a mesma.
    Isso é falta de Transparência!!

    No meu caso, só fui procurar outra, porque a qualidade da Atual é Ruim.
    Parece que o foco é somente vender.

    Nesse caso encaixa-se o dito popular: “o barato sai caro” ou “quem paga mal, paga duas vezes”.

    Não uso mais. Mas conheço quem use outras, e também tem problema.

    • Paulo Valle
      Author

      João,

      Mas parece estar mudando algo nessa coisa toda. Vamos aguardar para ver!
      O importante é que a concorrência não aproveita as brechas para se firmar no mercado.
      No final eles só copiam as más práticas.
      Não adianta dizer que prima pela qualidade e cobra o dobro do valor. A quantidade de erros no final oscila em menos de 5% das vezes, o que para eles poderia ser un pequeno aumento nos preços. Para o gráfico pequeno, muitas vezes o 5% vira quase 100% das vendas que ele fez… e ele que paga o pato.
      CADÊ OS CONCORRENTES SÉRIOS?
      A Padrão Color, que é bem menor, manda em mais de 50% dos panfletos, pedaços dos panfletos dos lados… e tem um gerente de qualidade… é abrir o pacote e ver o problema.
      Abraços,

  23. Marcelo Serqueira

    Esse post ja deixou a muito tempo de ser “aproveitoso” . Claramente, ve-se uma guerra de alguns, QuE tem interesses particulares, ao inves de discutir algo proveitoso. chegamos ao ponto domridiculo de se discutir quem ‘e o dono de que e de um individuo fazer buscas e juntar informacoes( conexas ou nao – sei la, nao to nei ai !) para provar nao sei o que. E dai se alguem ‘e dono do que ? ISSO NAO ME INTERESSA, o que me interessa ‘e saber qual grafica vale a pena ou nao. Por isso que eu lia este blog. Mas como se tornou essa palhacada ai, fuiiiiiiiiii.

    Obs: vc sabia que o dono das americanas.com ‘e o mesmo dono da submarino ???? b2w….

    Sr Glaucio vc nao acha que para simples interessado em comprar e vender material grafico o senhor esta , digamos, muito disposto a achincalhar a Atualcard ????? Esquisito, ne ?! Sr Promo Ideia, o senhor nao acha que que , parabens se o senhor ‘e representante de alguem no Rio, mas nao ve que ninguem aqui SERIO, ta afim de uma opiniao direcionada ? oK se vc quer ajudar a melhorar sua empresa, mas sinceramente acho que aqui nao ‘e o lugar certo.

    Ah, sobre a AtualCard – empresa que apesar de todos os problemas, ainda ‘e a unica que tenta fazer algo diferente nesse mercado LIXO !! ‘e a opiniao de quem ja andou em tudo que vcs possam imaginar em grafica online. ‘e isso, sem jabas…. Abcos e adeus.

    • Paulo Valle
      Author

      Marcelo,
      Eu concordo que já bateram muito na tecla AtualCard. Também acho irrelevante a questão de quem tem oquê!Só não concordo em dizer que o blog deixou de ser útil devido a uma unica postagem controversa. Afinal já falamos de várias outras gráficas, menores e outras de bom porte aqui, que geraram bem menos comentários. Além do assunto gráficas, falamos aqui de temas como empreendedorismo, cursos de design, vendas, administração, processo, equipamentos diversos e muita coisa boa. Transformar o blog em uma única postagem sobre AtualCard (na verdade são umas 5, muitas elogiando produtos novos) é minimizar nosso trabalho. Te convido a conhecer nossas outra quase 300 postagens (285 para ser exato) para desfocar do tema AtualCard e se focar em outros temas.
      Não vou retirar a postagem, pois mal ou bem entra muita gente nova no blog devido a ela, tanto contra como a favor da AtualCard e de outras gráficas, constantemente citadas nos comentários. Muitas inclusive acabaram sendo analisadas por nós por sugestão dos leitores.
      Também não irei bloquear ou censurar comentários pois acho que o blog deve ser bem democrático, deixando as pessoas livres para falarem. Na verdade só censurei uns 5 palavrões e xingamentos nesses 2 anos de blog, mesmo assim deixei os @#$% no lugar deles.
      Espero que continue conosco, conhecendo TODO nosso trabalho. E esteja livre para mandar postagens no nível que gostaria de ver aqui. Nossas páginas ficam abertas para sugestões.
      Abraços,

      • Glaucio

        Paulo, o objeto de alguns que comentam em blogs, fóruns, sites de notícias e etc é exatamente este que você acaba de ter a infelicidade de constatar. Por exemplo, eu acesso o G1 quase que diariamente para ler as notícias, mas me recuso a ler os comentários. Na dúvida o melhor a fazer é: “don’t feed the trolls”.

        Sobre a relevância de quem tem ou não tem o quê. Eu acredito ser importante sim que as pessoas fiquem sabendo que gráficas – que é o assunto do blog – são de um mesmo grupo/dono ou não. Talvez tenha sido desnecessário “ter que provar”, mas devido a descrença de alguns, isso foi sendo exposto com o tempo e naturalmente.

        Não existiria esta necessidade se do outro lado não perpetuasse até hoje esta tentativa de esconder. Como todos podem constatar, a Futura e a Giv são a mesma gráfica, mas não escondem de ninguém, com ambas recebendo pagamentos com a mesma razão social. Não faz sentido eu sair de uma gráfica por um determinado problema e ser enganado ao entrar em outra, que na verdade é a mesma de onde eu sai. Para que isso? Não vejo isso como uma forma justa que ganhar clientes. Eu mesmo quando sai da PowerCard, fui para a Atual/BrasilGraf sem saber ou imaginar que seria atingido pelo mesmo raio duas vezes. Pode parecer até loucura, talvez seja mesmo, mas até hoje (desde 2005) eu guardo a caixa com o material errado e inútil que rodaram na PowerCard. Guardo e espero que algum dia eu possa jogar pessoalmente na lixeira deles.

        Sobre isso eu nunca falei, mas agora deu vontade de falar também. Sabe como na época eles (PowerCard) resolveram o assunto do erro deles? Assim que recebi o material, reclamei e me disseram que eu é que tinha enviado o arquivo do verso errado e que foi impresso conforme o envio. No servidor do site, os arquivos enviados estavam corretos e inclusive baixei uma cópia para verificar. Quando respondi o e-mail informando que eu tinha enviado os arquivos certos e que o erro era deles, pois até as cópias dos arquivos no servidor estavam corretas, o que eles fizeram? Trocaram o arquivo original do verso que eu tinha enviado para poder me culpar. Reclamei novamente falando do absurdo que tinha acontecido e eles finalmente sumiram com os arquivos. Quem imaginaria que uma “empresa” pudesse jogar tão baixo assim?

        Mesmo que algumas pessoas defendam esse um método “bacana” de lucrar, enganando as pessoas até por R$ 29,90, para mim será sempre motivo de autoproteção pelo menos.

        • Paulo Valle
          Author

          Bem vindo de novo, Glaucio.
          Você citou a GIV e a Futura.
          Você tem comprado com eles? Como tem sido o resultado?
          Essa semana tive a grata surpresa de conseguir sem grandes discussões a reimpressão de um material na AtualCard.
          É uma mudança de postura.

          Abraços,

          • Glaucio

            Olá Paulo! Sim, após alguns meses turbulentos em meados do ano passado, eu voltei a rodar material lá. Até o momento tudo dentro da normalidade e da qualidade esperada. Felizmente, ou infelizmente, ainda não precisei usar o sistema de mensagens/contatos. Se melhorou é um avanço, já que ruim sempre foi, rs…

            Eu já comentei sobre esta questão no blog. O que mais me motiva e me prende a Futura/GIV é a “fidelidade” de cores/tonalidades. Tenho um mesmo produto que eu já rodei lá várias vezes e a variação de cores é praticamente imperceptível entre um serviço e outro. Isso em algumas gráficas é uma verdadeira loteria. Depois dos problemas, também achei melhor evitar o envio de arquivos em “pdf”, sendo eles gerados pelo PS ou Corel. Somente tenho enviado em “cdr”.

            Se realmente a Atual se manter firme nesta questão será realmente uma grande mudança de postura. Não existe muita saída: Quando o erro é da gráfica, é da gráfica. Quando é do cliente, é do cliente. Obviamente deve ter muita gente que não tem muita experiência no fechamento de arquivo, até mesmo porque algumas gráficas optam por abrir o site para o público em geral, e comete alguns erros que vão prejudicar ou definitivamente acabar com os impressos. Nestes casos cabe a gráfica explicar que passos não foram seguidos adequadamente e que aquele erro não está coberto pela garantia. Já a qualidade/gramatura do papel, tinta que parece que tomou banho de água sanitária, registros vesgos, 101 Dálmatas nos impressos, verniz localizado com labirintite, 10% na variação de quantidade para menos ou “para menos” que pode chegar em 15% ou 20% e etc, deve/deveria ser assumido sem muito choro pelas gráficas. Quando cumprimos as regras de envio e pagamos pelo serviço, fazemos a nossa parte. Esperamos que eles façam a deles também, não é?

            Abraços!

            • Paulo Valle
              Author

              Glaucio,
              Só de não ter acontecido nada já uma grande coisa.
              Agora no final do ano, uns cartões meus chegaram tortos. Acho que o operador de guilhotina andou bebendo além da conta no Natal.
              Mas o pior caso eles resolveram sem discutir quase nada (por foto). Os outros estavam passáveis e eu deixei passar.
              Abraços,

    • Boa noite Marcelo Serqueira, ficamos felizes por estar no blog.

      Como assim opinião direcionada e não é o lugar certo?

      Se os visitantes desse blog estão procurando informações sobre a Atual Card e o post é sobre a Atual Card, então não é o lugar certo?

      Como sou Agente Oficial da Atual Card, estou prestando meu serviço como tal. Veja aqui: http://www.promoideia.com.br/revenda-grafica

      Sou representante da Atual Card Gráfica e não de “alguém”.

      Poderia nos indicar uma gráfica melhor? Mas indique melhor mesmo e não com melhor preço, pois ter o melhor preço não quer dizer melhor gráfica.

      Gostaria de ser Agente Oficial e participar desse ótimo negócio? O espaço está aí para todos. Veja aqui: http://promoideia.atualcard.com.br/agenteoficial

      Fique com Deus e tenha um ótimo 2014.

    • Glaucio

      Sr. Marcelo, seja Oliveira ou Serqueira, o que eu tinha para dizer sobre suas “opiniões”, ou o que o sr. acha sobre as minhas, já disse aqui:
      http://www.cardquali.com/fusoes-aquisicoes-consequencias/#comment-11246

      Já sobre isso…
      “Obs: vc sabia que o dono das americanas.com ‘e o mesmo dono da submarino ???? b2w…. ”

      … se tivesse realmente interesse pelo tema ou pela leitura do blog como diz ter, poderia ter encontrado, neste mesmo tópico, antecipadamente sua resposta para esta e outras da mesma natureza discrepante.
      http://www.cardquali.com/graficas-atual-card/#comment-474

      E para efeito de informação, claro que você não deve precisar, a B2W nunca fez questão de esconder.
      http://www.b2wdigital.com

      Acredite se quiser, não sou a melhor pessoa para você perder o seu tempo. Isso já deixou de funcionar comigo faz tempo. Se algum dia o sr. realmente quiser debater civilizadamente, que pelo menos tenha alguma coisa aproveitável a dizer, ou que pelo menos não se perca em seu raciocínio e acabe se contradizendo entre parágrafos, eu volto a lhe responder.

      Abraços!

  24. Bom pessoal tenho algumas indicações a fazer, faz 1 ano e meio que comecei nesse ramo, e comecei a trabalhar como arte-finalista em 2001, hoje posso dizer que tenho muita experiência, mas como sabemos, sempre tem algo novo para aprender.

    Minhas indicações:

    1º – http://www.cartoesmaisbarato.com.br/
    Prós: Prazo e Preço – quando vai atrasar eles avisam
    Contras: a qualidade deixa a desejar algumas vezes (hora vem prefeito, hora vem meia boa, e as vezes vem algo bem lavado)
    Consideração Final: Vale a pena, estão melhorando muito no atendimento, e nas questões de resolver problemas com a impressão, e uma das poucas que atende o Sul de Santa Catarina, minha escolha por ela é por ela ter o menor prazo para entregas aqui em SC, com isso o dinheiro investido não fica parado muito tempo.

    2º – Giv / Futura Imbativel – que pra mim são a mesma, a diferença é apenas que a futura tenta ganhar um pouquinho mais,
    Prós: Preço e Qualidade
    Contras: Prazo (alguns produtos tem prazos muito mais extensos do que os da concorrência, e como ainda não tem um balcão deles aqui na minha cidade, demora ainda mais e se torna mais caro, principalmente com pedidos maiores, isso quando não excecede o peso/voume máximo permitido pelos correios.)
    Consideração Final: Empresa muito boa de se trabalhar, só ta faltando um balcão aqui em Criciuma, no Sul de Santa Catarina, ai ficaria perfeito, e migraria quase toda minha produção para eles.

    3º – http://www.graficatx8.com.br/
    Prós: Preço e Qualidade – os melhores preços que ja encontrei
    Contras: Prazo (Embora tenham frete grátis acima de 150,00 aqui para minha cidade, o problema é o atraso na produção, com a invenção de mil desculpas, ainda mais que ja não é uma produção das mais rápidas, geralmente o dobro do concorrente.
    Consideração Final: Tinha tudo para ser o parceiro ideal, mas a falta de confiança nos prazos não da para tolerar, só queima nosso filme diante dos clientes, que acabamos perdendo. o atendimento tenta, mas não é dos melhores, precisei fazer reclamação no Reclame Aqui para resolverem meu problema.

    4º – Atual Card
    Prós: Prazo
    Contras: Qualidade e Preço ( no primeiro serviço que fiz com eles, deu problema, veio manchado, ou seja erro da produção e não da arte. e me senti enganado, pois não fizeram nada, nem desconto, e isso que estava lidando diretamente com o agente deles. Então foi o primeiro e ultimo serviço que fiz com eles, e para mim, desculpe o trocadilho, mas ficou a pior das impressões, heheheheh

    Ainda estou a procura da gráfica perfeita, mas ta dificil, Quando preciso de impresso com qualidade e certeza do que vou receber é o que espero, faço em gráficas locais, o bom é o prazo que não depende de postagem, mas o ruim é o valor que é bem mais salgado, quase não dando de colocar uma margem satisfatória e que consiga ganhar nos orçamentos.

    Uma ultima dica: Tentei trabalhar com a Zap Gráfica de Belo Horizonte, até consegui me cadastrar, mas o alto valor da postagem impossibilitou de eu fazer qualquer serviço até hoje, Me parece uma das melhores, se não a melhor para esse tipo de negócio em que estamos atrelados, Quase nenhuma reclamação no Reclame Aqui, e as que tem foram quase todas resolvidas. O entrave principal deles é a questão do cadastro de novos endereços, só aceitam um endereço, e para mudar é muito burocrático, (desconfiam de tudo), com as outras gráficas que trabalho, se eu precisar vender algo para Bahia ou Minas Gerais eu consigo na boa, e ainda com o mesmo prazo e valor que se fosse pra eu receber aqui em casa. ou seja, vai direto para o cliente, tornando a venda nacional um negócio viável e de fácil confronto com a concorrência.

    Acho que era isso, qualquer coisa tem meu face ai: https://www.facebook.com/ArteseImpressos

  25. Valber

    Muitas verdade e muitos mitos (merdas).
    Atual Card é um Grupo, ficou claro com “união” recente das gráficas…. só idiotas não enxergam isso!
    Assim como a GIV e a Futura são as mesmas… nem disfarçam no layout ou emails que são enviados.
    Agora a CardQuali virou um agente da Atual??? Pelo menos as thumbs dos produtos são as mesmas…
    tsc tsc tsc

    • Paulo Valle
      Author

      Valber,
      Como quase todos aqui já sabem através das cerca de 300 postagens do blog, eu faço meu material com a Padrão Color e com a AtualCard.
      Não estou nem um pouco preocupado se as empresas são as mesmas ou não. Você se preocupa se Brahma e Antartica, Sadia ou Perdigão, são as mesmas empresas? Cada sub empresa tem uma qualidade e um atendimento totalmente diferente.
      O meu site de vendas é feito no sistema Sistograf e tenho bastante dificuldade de gerenciar meu trabalho com doces (madeleines maravilhosas), vendas pela internet, postagens “gratuitas” para toda a comunidade e terminar o meu curso de contábeis (colei grau em janeiro).
      A loja foi montada da maneira mais prática. A Padrão Color tem um site ainda pior que o meu. A AtualCard tem a imagem dos seus cerca de 3000 produtos. Eu, na maior cara de pau, peguei as figuras deles e usei em meu blog.
      Ainda não sou um agente AtualCard, mas penso seriamente em ser. Não para trabalhar exclusivamente com eles. A Padrão Color tem inúmeras vantagens nos poucos produtos que fazem, principalmente para quem mora no Rio de Janeiro. Mas em termos de quantidade de produtos, qualidade de mercado, força de vendas, ela tem muito a ensinar aos gráficos.
      Amanhã, quarta, dia 12/03/2014 sai uma postagem que fala sobre os ciclos de inovação que houveram no meio gráfico… achava bom dar uma lida… é muito interessante e pode fazer diferença no futuro.
      Ainda não sei onde está a sua loja para ver as imagens que estão por lá… eu tranquilamente poderia pegar as imagens de outro local… mas tem a questão do direito autoral.. Na Atual sei que não vou ter problema, pois eles veem isto como ponto positivo, mesmo que eu esteja revendendo produto de outra empresa em alguns casos.
      De qualquer forma, obrigado pela participação!
      Abraços,

  26. Cássio

    Uffaa, passei 1 hora lendo todo o post e comentários, mas cada minutos valeu muito a pena, pois me serviu para diversas situações que já aconteceram comigo e eu não sabia como lhe dar, tanto com fornecer como com clientes. Pois bem, eu moro em uma cidade de 80 mil hábintantes, e por incrível que pareça, poucos terceirizados aqui trabalham com serviços gráficos online, diferente de mim que tenho como carro forte, pois a margem de lucro é muito favorável e ainda bem que nunca aconteceu de clientes questionarem meus preços por conta dos impressos vendidos online (rs…), porém eu considero varios fatores que fazem valer o meu preço, pois caso um cliente resolva comprar, terá que dar um jeito de criar o layout, dedicar alguns minutos para aprender a fechar arquivos e ainda pagar frete absurdo (se for Sedex), ou aguardar 20 dias para ter seu material… São justamente esses fatores que representam o meu lucro, todo esse trabalho que eu vou ter no seu lugar que justifica. Porém, o material encomendado comigo eu entrego em 10 dias em média, sendo que eu fecho várias encomendas para assim fazer o pedido que por minha vez escolho a entrega feita em Balcão de Retirada que é gratuita e é entregue na capital do meu estado e fica a 120km, então pago um frete de R$ 30,00 por uma média de 10 cartões de visita.

    • Paulo Valle
      Author

      Cassio,
      Você é um exemplo de como se pode ganhar dinheiro com essas gráficas.
      A maioria fica se questionando de concorrencia desleal, etc… mas na verdade basta dar um bom atendimento e já se tem um incrível diferencial.
      Parabéns e continue assim.
      Abraços,

  27. Caro Paulo, Porque não encontrei seu blog antes.. rs

    Eu não aconselho a ATUAL CARD para ninguém que precise entregar material no prazo..
    Quanto acabamento é rezar.. para vir correto.

    Passando minha experiência para vocês.
    Trabalho com Atual Card FAZ UNS 6 ANOS.. adorava, amava…site fácil, preço legal.. impressão 98% boa… mas de uns 2 anos para cá só sofrimento.

    Meus últimos 10 pedidos, todos eles tive que quase que participar de UFC com direito até dedo no olho. Briga , choro!! desespero total!
    Prejuízos absurdos.. em material grande onde perdi prazo de entrega e um ação de marketing que consegui entregar virando noites, mas por conta do stress perdi um cliente de 5 anos muito bom que me dava 4 ações excelentes durante o ano.

    Meu último agora uma ação de dia das crianças, arquivo moleza.. chapado 20×27 500 pçs só… tive que acionar o PROCON e ainda estou brigando para receber. JÁ TEM 11 DIAS E NÃO RECEBI. O dia da criança chegando e as crianças correm o risco de não receber.

    PRIMEIRO PROBLEMA – Como tenho conta na caixa a transferência foi automática. Não acharam meu pagamento mesmo com o sistema de envio de comprovante. 2 dias parados.

    SEGUNDO PROBLEMA – Meu material tinha faca especial – 3 recortes de figuras de bichinhos. Mandaram e-mail dizendo que teria que pagar + 60,00 por conta da terceira figura.

    OBS. Nasci praticamente dentro de uma fábrica que trabalha com corte e vinco + de 30 anos lidando com isso. Meu pai cortava era uma carreta sacanner inteira de paraná e nunca vi desmembrarem faca no mesmo arquivo. Ainda mais bobeirinhas contornos de imagem de corte sem vinco.

    TERCEIRO PROBLEMA – a velha mensagem

    Bom dia , informamos que o pedido foi encaminhado a reprodução, pedimos que acompanhe o status em nosso site, em caso de eventuais dúvidas estamos a disposição.Att

    QUARTO PROBLEMA – PERDERAM O MATERIAL

    Boa noite. Verificamos em nosso setor interno, e referente ao pedido mencionado foi extraviado em nosso parque gráfico, por este motivo e devido aos prazos estamos oferecendo a reprodução ou a liberação do valor pago como créditos, ficamos no mais breve retorno. Att

    QUINTO PROBLEMA – REPRODUÇÃO DE NOVO
    Boa tarde, pedido cadastrado em reprodução acompanhe os status em nosso site, lembrando que os prazos se reiniciam.

    SEXTO PROBLEMA – AINDA NÃO RECEBI.

    Eles alegam sobre a reprodução que está no contrato deles.
    Juridicamente isso não procede porque no ato da compra não existe nada que esclareça esse tipo de situação. não existe nenhum “LI E CONCORDO” então que é novato acaba ficando de boca calada.

    Eu coloco e colocarei a boca no mundo com a ATUAL OU QUALQUER OUTRA porque a primeira coisa quando se abre uma empresa gráfica é entender a responsabilidade que temos com os clientes em eventos, publicidade etc. PERDER PRAZO É FATAL , prejuízo não só do dinheiro que precisamos devolver como praticamente jogar nosso nome na lama.
    Hoje temos a internet que detona qualquer falha. Eu trabalho com festas e eventos e um erro corre como luz entre os perfis.

    #HOJE PROCURO UM GRÁFICA REALMENTE PARCEIRA E SÉRIAS. ( ALGUÉM QUE INDIQUE UMA?)

    Agradeço as dicas que encontrei aqui.
    ABÇS
    Marcia

    • Paulo Valle
      Author

      Marcia,
      Você bem pode ver que a AtualCard tem fãs e contra-fãs fervorosos.
      Isso que você está passando com eles não é exclusividade de lá.
      Eu tenho tido minhas aporrinhações também com a Padrão Color aqui no Rio. Praticamente é impossível reclamar de um material devido as falhas.
      A regra deles é só aceitar reclamação com o material em mãos, avaliado pela equipe deles.
      Acontece que meu material chega e viaja para o Brasil inteiro.
      Se eu não notar o defeito ele viaja, com custo de frete e teria que pagar o frete de volta para o cliente… e ida e volta não poderia exceder os 15 dias a partir do inicio da produção… ou seja, missão impossível, sem contar que em geral o frete é mais caro do que o produto. Esse ano já foram mais de 10 problemas. O ultimo agora foi uma cor laranja que balançou numa face para o vermelho e na outra para o laranja claro… como é uma variação de uns 10% vão alegar que não é defeito… vai explicar isso para o cliente que tem duas cores no mesmo panfleto!!!
      Nesse ponto eu tenho dado mais sorte com a AtualCard, que refaz olhando o scan do material.
      Sugiro se for continuar com a Atual a falar com o edson, da promoidéia Rio (tem representação atual com esse nome no rio) e se acertar com ele que ele briga pelos clientes dele… tem um compromisso aqui no blog disso.
      Outra opção que eu gostei, mas não testei o bastante é a zapgrafica, que entrega praticamente nos mesmos locais.
      Abraços,

  28. Paulo obrigada por sua resposta.
    Na verdade eu nem questionei muito a qualidade (Não que não seja importante)porque meu problema sério com eles é prazo.. hoje é que meu material chegou no Rio e lá vou eu correr para produzir e entregar meu cliente. Se vai chegar a tempo do evento deles não sei. É REZAR! para não perder mais um cliente por causa da ATUAL

    Para trabalhos pequenos e fugir um pouco da ATUAL testei essa empresa HOJE http://www.multijob.com.br Acho que fazem sistema laser, mas tem um bom preço em caso de uma emergência. Valeu a pena.
    Foram rápidos e eficientes. Mandei o material por volta de 12h e 14h já fui buscar.
    Impressão veio com boa qualidade.
    O sistema deles é por quantidade de folhas, quanto mais faz melhor preço.
    Não deixa de ser um outro recurso no sufoco.

    abçs

    • Paulo Valle
      Author

      Marcia,
      Esse tipo de problema não é exclusivo da AtualCard. Essa semana mesmo tive um material trocado pela Padrão Color e me atrasaram vários dias por que queriam encontrar o material extraviado ao invés de refazer de vez o produto. Tive que brigar, cancelar o extraviado e produzir de novo. O grande problema é que as regras nessas empresas no caso de erros é bem rígida e cobram tudo dos funcionários. E você sabe, pai de filho feio nunca aparece… com isso os funcionários preferem prolongar o sofrimento dos clientes do que assumirem seus erros… e o patrão acaba conivente com esse processo ao punir todos os erros, que todos sabemos, é inerente de nosso negócio.
      O que muitos não sabem é que na justiça esse tipo de cobrança é todo devolvido em dobro pois é proibido pela legislação… é uma espécie de assédio moral.
      Uma mosca cair na chapa estragando 1 cartão numa chapa de 60 cartões não pode ser considerado erro do funcionário… afinal estamos falando de 10 minutos de impressão num mar de imagens. A repetição sistemática dos erros é que é um problema passível de demissão. E com regras tão rígidas levando aos funcionários a esconderem o erro, não se consegue caminhar para uma perfeição no atendimento… consegue-se apenas falsos resultados.
      Garanto que para a AtualCard, internamente tem um padrão de qualidade ótimo, enquanto que externamente ele é péssimo. Isso é resultado de uma política que vem sendo usada desde os anos 1900 nas antigas fábricas.
      Complementando o raciocínio. Nas empresas 100 +, a maioria adota uma postura de permitir que o funcionário tente criar, assuma riscos e corrija situações que estão contra a qualidade da empresa. Não é a toa que elas estão na liderança de seus setores. Deve haver uma flexibilidade nas ações, para identificar o que é um erro individual, de um erro sistemático de processo (planejamento). Não é o cliente que deve pagar pelo erros da fábrica.
      No caso dos distribuidores gráfico, tem que cair a ficha de que os clientes deles são atravessadores, repassando o produto para o cliente final e por isso um atraso no fornecimento é mortal para essas pequenas empresas.
      Um grande abraço,

    • Paulo Valle
      Author

      Douglas,
      Entrei e vi o seu link.
      Antes de mais nada, gostaria de dizer que é sacanegem deles não ter corrigido o erro.
      Porém, o arquivo enviado está errado. Eles não leem a parte que diz cabeça. Eles simplesmente copiam e colam as artes na chapa, e dessa forma o verso teria que ser rotacionado 180 graus.
      Vou passar uma dica: Quando fizer um cartão “em pé”, mande o arquivo em pé, de forma que eles sejam forçados a fazer o ajuste e não podendo tirar o corpo fora.
      O pessoal da Atual tem seguido essa postagem e vai verificar esse erro. vamos ver se eles tomam alguma iniciativa.
      Mas no futuro, em qualquer gráfica, posicione o cartão no sentido correto (em pé) e deixe a gráfica se preocupar com esse detalhe.
      Abraços,

  29. Sou cliente assíduo da antiga Power Card que passou a ser Gráfica Power e após alguns problemas passei a fazer os serviços com a Gráfica Paulista. Infelizmente só agora que li o post, fiquei sabendo dessa pilantragem que todas as empresas “são uma só”. Estou com um problema na Gráfica Paulista, enviei um material no dia 24/10 (Cartões, Panfletos e 1 Banner 90×180) e hoje já é dia 31/10 e eles não me enviaram o material pois alegam problemas com a impressão do banner. O status do pedido no site ainda consta VERIFICAÇÃO INICIAL desde que foi confirmado o pagamento. rs…. é piada… estou me matando de reclamar e tentar alguma solução já que meu cliente “precisava” do material para a inauguração do seu comércio amanhã (01/11). #ficaadica #partiu Futura Imbatível

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>