Delegar, para crescer!

4 Flares Twitter 0 Facebook 2 Google+ 2 Pin It Share 0 Email -- LinkedIn 0 4 Flares ×

Você chega na sua gráfica e já encontra a mesa cheia de trabalhos pendentes. A produção está parada esperando uma autorização para iniciar a produção. Pilhas de orçamentos para serem fechados em sua mesa. Parece que nada anda! Acho que está na hora de delegar!

Por que acumula tanto trabalho!

Quase todos os donos de gráficas passaram por um mesmo processo.

Começaram pequenos, fazendo de quase tudo na gráfica. Arrumaram 1, 2 ou mais ajudantes e assim cresceram.

Depois de um tempo, assumiram algumas áreas chaves como orçamentos, finanças e qualidade, ou qualquer outra mais que ache importante.

E aí se tornaram escravos de seu próprio negócio!

E a empresa vai crescendo e a mesa de trabalho do dono vai se inflando cada vez mais de papel… até que ele se torna um estorvo para a própria empresa.

Como anda a sua mesa de trabalho? Está muito cheia?

excesso de trabalho delegue

Por que delegamos só parte do trabalho?

É da natureza humana achar que faz melhor do que os outros.

Aqueles trabalhos chatos e repeitivos são facilmente delegáveis e raramente alguém insiste em fazer eles.

Já os trabalhos intelectuais ou que trabalhem diretamente com dinheiro, são considerados pela maioria como indelegáveis.

Mas será que isto está certo?

O que eu posso afirmar é que se este é o seu caso, o dinheiro que você evita de ser roubado assumindo estas atribuições, está sendo jogado no ralo por perder a visão macro de seu negócio.

Você vai ficar tão obscecado por este “falso controle” que vai ficar sem tempo de analisar seu próprio negócio, avaliar a concorrência e descobrir novas oportunidades que aparecem a cada hora.

Cada profissional no seu lugar!

O que ocorre a maioria das vezes é que pegamos profissionais muito mal preparados e colocamos para fazer as coisas que não gostamos.

Nos trabalhos mais básicos e mecânicos, não há nenhum problema. Até uma pessoa sem estudo pode aprender a operar uma offset, uma guilhotina ou fazer qualquer tipo de acabamento.

Na hora dos trabalhos administrativos, a coisa muda de figura!

Boa parte do trabalho demanda conhecimentos como português e matemática, que a maioria não domina, e mais um item que não é ensinado diretamente, mas que é desenvolvido também na escola… o discernimento… a capacidade de raciocinar!

Se você seguir a linha de crescimento e tentar delegar a área administrativa para um funcionário esforçado, mas sem estudo nenhum, vai perder um excelente profissional do seu piso fabril e vai passar a ter medo de delegar.

Por isso cada um deve ficar em seu lugar!

O pessoal da produção deve crescer, sim! Mas de preferência dentro da produção. Só deve sair de lá caso tenha o preparo necessário para a área administrativa.

Ele não tem esse preparo? Que tal fornecer meios para que ele atinja este preparo? Facilite a vida dele para ele concluir os estudos e se qualificar!

Na área administrativa, existem trabalhos mais simples e os mais complexos. Encaixe pessoas com o nível de estudo que a capacite para cada área.

Cada profissional deve ocupar o seu lugar na empresa!

Vantagens financeiras

Quer saber quando delegar?

Você pode usar o princípio de pareto! 80% do que você faz traz apenas 20% dos resultados e 20% do que faz traz 80% dos resultados.

Verifique qual é o seu custo para empresa!

Ache aqueles 80% que te prendem e não dão retorno algum!

Tenho certeza que você vai poder contratar gente (uma ou mais pessoas) que podem fazer esses 80% por apenas 40% do seu custo.

Só aí você já saiu ganhando!

Se for em áreas como vendas ou orçamentos, isto vai significar maiores ganhos com o aumento da produtividade.

Na área de custos será com economia nas compras, pois a pessoa poderá fazer cotações! A quanto tempo você não faz cotações realmente completas e foi a procura de novos fornecedores?

Entendeu por onde vão os ganhos?

delegar decisões em grupo

E as decisões? Delegue poderes!

Está certo! Cada um está no seu lugar!

Mas eles ficam a todo momento me perguntando o que fazer!

Que tal delegar poderes!

Para isso você precisa primeiro saber o quanto pode perder em cada processo no aprendizado destes funcionários!

Não vai me dizer que em toda sua carreira não tomou uma decisão errada, que o fez perder bastante dinheiro?

Por que eles teriam que chegar prontos para não cometer nenhum erro ao assumirem os cargos?

Flexibilize um pouco as coisas e de tempo ao tempo para que os erros se minimizem.

Comece pelas coisas mais simples e de menor impacto e vá delegando tudo que puder!

Decisões compartilhadas!

Pronto! Você delegou os poderes e deu uma margem de erro aceitável!

Mas tem coisa que podem causar grandes prejuízos!

Que tal criar um grupo dentro da sua empresa, com visão de todos os setores, para se reunirem sempre que preciso, para tomarem as decisões mais importantes?

Assim as decisões que escaparem da alçada dos indivíduos podem ser tomadas pelo grupo.

Nem preciso te falar que várias cabeças pensa melhor que uma!

Isso vale também para você! Esse grupo será capaz de pensar até melhor que você!

Se você aprender a não ser “mandão” e conseguir permitir que as pessoas se soltem na sua presença, pode até participar do grupo. As vantagens são muitas e você não vai se sentir excluído de seu próprio negócio e vai conhecer melhor seus subordinados!

Te convencendo definitivamente!

Ainda não está convencido que delegar é um bom negócio?

Imagine a seguinte situação limite!

Você não delegou e as decisões estão todas em sua mão!

Acontece algo grave que te coloque de coma num hospital ou você passe por um momento difícil como a morte de alguém muito próximo que te deixe fora do ar por um mês!

O seu negócio vai se manter vivo por esse tempo ou você vai quebrar?

Você vai arriscar delegar as funções num caso extremo destes ou é melhor fazer este processo aos poucos?

Pense, na esposa, filhos, pais e mães que dependem de você!

Por quanto tempo você vai ser imprudente a esse ponto?

Outras vantagens!

Quer mais motivos?

Todos trabalhamos, mais por que precisamos do que por que gostamos!

Quem não gostaria de ter tempo para brincar com os filhos, curtir a esposa (ou namoradas), passear, viajar, viver!!!

Quanto mais o seu negócio andar sem a sua presença, mais você poderá apreciar a vida!

Não digo para largar os negócios e acabar sendo roubado.

O melhor mesmo é você trabalhar por que gosta! Acompanhar os números e a conta bancária!

Receber relatórios de todas as áreas da empresa e comparar com o relatório final, gerencial!

Você pode delegar sem perder o controle.

Relatórios chaves podem ser enviados com cópias para seu email e com o uso da internet pode checar contas bancárias e bater com as informações de seus relatórios.

E o que fazer com o tempo?

Não precisa gastar ele todo com viagens!

Que tal ver a sua empresa como um todo!

Procurar novas oportunidades em feiras e ventos pelo mundo e ainda aproveitar a viagem com esposa e filhos?

Suas idas na sua empresa podem se tornar  um ótimo passeio!

Pode até ir na área de produção e sentir de novo o gostinho de pilotar uma offset, bater um papo com antigos funcionários, sentar no refeitório junto dos antigos amigos!

Tudo isso por que se livrou daquela grande pilha de papeis que ficava encima de sua mesa!

Que tal?

Pode começar agora mesmo, enquanto está estruturando sua pequena empresa! Por que não começar com o pé direito?

Conclusão

Delegar é um dos grandes sucessos dos maiores homens de negócios!

Na verdade o empresário não precisa ser um funcionário da empresa e sim uma pessoa que consegue entender a empresa como um todo.

Ao não delegar você fica restrito a apenas uma área da empresa e perde o foco no que vai ser importante para o futuro!

Por que não transformar a empresa em algo que te traga prazer e te libere a conhecer realmente como ela funciona.

Grandes nomes como Ford ficaram conhecidos por estarem envolvidos com toda a empresa, desde o piso até a alta administração.

Garanto que ele não conseguiu isto apertando cada parafuso de cada carro!

Ele criou tempo para ver os parafusos sendo apertados e ouvir as opiniões de seus funcionários, desde o piso a alta gerência.

Criar tempo neste caso é sinônimo de delegar!

Espero que tenham gostado desta postagem!

Até a próxima!

Curso de Photoshop

Você pode gostar também de:

4 Flares Twitter 0 Facebook 2 Google+ 2 Pin It Share 0 Email -- LinkedIn 0 4 Flares ×

3 comentários

  1. Pingback: Problemas com funcionários? Susto neles!

  2. Pingback: Dicas gráficas do Cardquali | Gráfica BH na WEB: cartão de visita, panfleto, banner, adesivo em Belo Horizonte.

  3. Pingback: Delegar para conquistar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *